Contactos
Rua André Gouveia 3000-029 Coimbra
239 488 096 / 961 656 510

Oferta Formativa

Consulte informações sobre a oferta formativa

Documentos

Consulta e download de documentos e formulários.

Legislação

Consulte a legislação em vigor

Plano de Formação Previsto para o Ano Letivo de 2022/2023

CLIQUE AQUI para visualizar o Plano de Formação 2022/2023. Em breve inscrições abertas!

DIVULGAÇÃO

234

AFPND01 - MindSerena: Desenvolvimento de competências atencionais e socioemocionais baseadas no mindfulness
Técnicos Superiores - Psicólogos e Outros Técnicos Superiores dos Municípios da CIM de Coimbra (ver vagas)

Curso

 

25.0 horas

 

b-learning

 

Técnico Superior - Psicólogo e outros Técnicos Superiores na área de abrangência da CIM Região de Coimbra

Ambiente Virtual / Coimbra

MindSerena® é um modelo educativo de aprendizagem socioemocional e desenvolvimento pessoal, baseado nas abordagens científicas do Mindfulness e nos ODS. Concebido na FPCEUC, o Modelo MindSerena® iniciou implementação no Agrupamento de Escolas de Penacova, em 2018/19, a convite do Município, financiado pelo ...
Ler mais Ler menos

Ref. 171AFPNDT3 Inscrições abertas até 31-01-2023

Registo de acreditação: DGAE/911/2022

Modalidade: Curso de Formação

Duração: 25.0 horas

Início: 02-02-2023

Fim: 30-03-2023

Regime: b-learning

Local: Ambiente Virtual / Coimbra

Formador

Dra Cristina Quadros

Teresa Ranieri

Destinatários

Técnico Superior - Psicólogo e outros Técnicos Superiores na área de abrangência da CIM Região de Coimbra

Acreditado pelo

DGAE - Direção-Geral da Administração Escolar

Razões

MindSerena® é um modelo educativo de aprendizagem socioemocional e desenvolvimento pessoal, baseado nas abordagens científicas do Mindfulness e nos ODS. Concebido na FPCEUC, o Modelo MindSerena® iniciou implementação no Agrupamento de Escolas de Penacova, em 2018/19, a convite do Município, financiado pelo Programa Realiza-te da CIM-RC. O impacto, a nível da sua aceitabilidade e das dimensões de mudanças esperadas nos planos cognitivo, emocional, interpessoal e de rendimento escolar, motivou o convite da CIM-RC para implementar o Modelo nos Municípios que a integram, em 2022/23. Este Modelo promove uma cultura de bem-estar pessoal, social e ambiental através de atividades educativas experienciais orientadas para o desenvolvimento de competências de autorregulação da atenção e das emoções, de resiliência e adaptabilidade, de pensamento crítico e criativo, e de resolução de problemas. Melhora ainda a comunicação interpessoal e comportamento prossocialde alunos/as, professores/as e demais profissionais da educação, e acentua a presença e ação conscientes e uma atitude de compromisso, respeito e contemplativa para com a Natureza. Responde a todas as recomendações do Estudo da DGEEC “Observatório Escolar: Monitorização e Ação: Saúde Psicológica e Bem-Estar” de maio de 2022. Convocando uma abordagem sistémica, a implementação inicia com este Programa destinado a docentes a fim de compreenderem o alcance dos princípios e das práticas de Mindfulness, através de metodologias educativas experienciais, bem como desenvolverem as qualidades e atitudes adequadas à implementação destas práticas junto dos alunos. O treino específico para implementação junto dos alunos é feito numa etapa posterior com a Formação Aventura MindSerena.

Objetivos

Considerando a evidência científica do Mindfulness em contexto escolar e os resultados qualitativos e quantitativos já disponíveis do Modelo MindSerena®, espera-se impacto na: - Melhoria do bem-estar físico e psicossocial, - Redução de problemas de saúde mental (stress, ansiedade, depressão e burnout), - Aumento do autocuidado, - Aumento da conexão e do afeto positivo com os alunos, - Aumento da capacidade de focar a atenção, - Melhoria da adaptabilidade e resiliência

Conteúdos

O Programa de Introdução ao Mindfulness segue o protocolo do Programa de Redução de Stress baseado em Mindfulness – MBSR (Mindfulness Based Stress Reduction). O MBSR é um programa experiencial, dinamizado em sessões de grupo, que cultiva um estado de atenção intencional, focado no momento presente, sem julgamento. Desenvolvido em 1979 por Jon Kabat-Zinn, professor no Center for Mindfulness da Escola Médica da Universidade de Massachusetts, o MBSR tem visto a sua eficácia cientificamente demonstrada e é atualmente utilizado em numerosos países nos mais diversos contextos sociais e profissionais. Conteúdos: - Instruções guiadas nas práticas de meditação mindfulness; - Alongamentos suaves e movimento consciente; - Didática da neurobiologia do cérebro, da atenção, das emoções e da comunicação intra e interpessoal; - Diálogos e partilha em grupo orientados para promover a consciência e reflexão nas diversas situações do dia-a-dia; - Convite a práticas diárias entre sessões; - Ficheiros áudio para as práticas entre sessões; - Manual de apoio às práticas

Metodologias

Regime presencial / online, sincrono (de acordo com o cronograma) - sessões semanais online, síncronas = 20h - sessão prática presencial – 5h Assente essencialmente em metodologia experiencial, será também coadjuvado com o método expositivo conjugado ainda com o método interrogativo e demonstrativo, em todas as sessões.

Avaliação

Avaliação Quantitativa 0-20

Modelo

Inquérito de Satisfação da Ação de Formação

Bibliografia

Oliveira, A. L., Pereira, R. N., Mano, P. P., Pinheiro, R., & Freitas, P. (2020). Mindserena: Impacto do desenvolvimento de competências mindfulness em professores. In F. H. Veiga (Coord.), Envolvimento dos Alunos na Escola. Perspetivas da Psicologia e Educação – Inclusão e diversidade (pp. 424-440). Instituto de Educação, Univ. de Lisboa. ISBN: 978-989-8753- 60-1 Mano, P. P., Pereira, R. N., Quadros, C., Oliveira, A. L., Freitas, P., & Pinheiro, R. (2020). Mindserena: Desenvolvimento de competências atencionais e socioemocionais baseadas no mindfulness em alunos do 2o e 3o ciclos. In F. H. Veiga (Coord.), Envolvimento dos Alunos na Escola. Perspetivas da Psicologia e Educação – Inclusão e diversidade (pp. 441-455). Instituto de Educação, Univ. de Lisboa. ISBN: 978-989-8753-60-1 Oliveira, A. L. (2020). Mindfulness em contexto educativo: Projeto de aprendizagem socioemocional Mindserena. In A. A. A. Carvalho (Org.), Aplicações para dispositivos móveis e estratégias inovadoras na educação (pp. 141-151). Ministério da Educação, Direção Geral da Educação. ISBN: 978-972-742-448-1 Weare K., Bethune A., (2021). Implementing Mindfulness in Schools: an evidence-based guide, The Mindfulness Iniciative. ISBN: 978-1-913353-04-9 Kabat-Zinn, J. (2022). Mindfulness: A vida como ela é. Nascente. ISBN:978-989-564-980-8


Observações

Critérios de Seleção: - Técnicos Superiores Psicólogos e Outros Técnicos Superiores ligados à Educação dos Agrupamentos de Escolas e Escolas não Agrupadas e Municípios abrangidos pela CIM da Região de Coimbra de acordo com as Vagas por Municípios.

Informações: 1. - De acordo com as vagas estabelecidas para os 19 Municípios de Coimbra da Região CIM, existem vagas para todos os Municípios exceto Arganil, Coimbra Mortágua e Tábua (já preenchidos nas Turmas 1, 2 ) 2. - Poderão inscrever-se e ficar em lista de espera caso haja desistências dos Municípios e / ou abertura de mais turmas.

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 02-02-2023 (Quinta-feira) 17:30 - 18:30 1:00 Online síncrona
2 09-02-2023 (Quinta-feira) 17:30 - 20:00 2:30 Online síncrona
3 16-02-2023 (Quinta-feira) 17:30 - 20:00 2:30 Online síncrona
4 23-02-2023 (Quinta-feira) 17:30 - 20:00 2:30 Online síncrona
5 02-03-2023 (Quinta-feira) 17:30 - 20:00 2:30 Online síncrona
6 09-03-2023 (Quinta-feira) 17:30 - 20:00 2:30 Online síncrona
7 16-03-2023 (Quinta-feira) 17:30 - 20:00 2:30 Online síncrona
8 18-03-2023 (Sábado) 10:00 - 17:00 7:00 Presencial
9 23-03-2023 (Quinta-feira) 17:30 - 20:00 2:30 Online síncrona
10 30-03-2023 (Quinta-feira) 17:30 - 20:00 2:30 Online síncrona

INSCREVER-ME
235

AFPND01 - MindSerena: Desenvolvimento de competências atencionais e socioemocionais baseadas no mindfulness
Técnicos Superiores - Psicólogos e Outros Técnicos Superiores dos Municípios da CIM de Coimbra (ver vagas)

Curso

 

25.0 horas

 

b-learning

 

Técnico Superior - Psicólogo e outros Técnicos Superiores na área de abrangência da CIM Região de Coimbra

Virtual /

MindSerena® é um modelo educativo de aprendizagem socioemocional e desenvolvimento pessoal, baseado nas abordagens científicas do Mindfulness e nos ODS. Concebido na FPCEUC, o Modelo MindSerena® iniciou implementação no Agrupamento de Escolas de Penacova, em 2018/19, a convite do Município, financiado pelo ...
Ler mais Ler menos

Ref. 171AFPNDT4 Inscrições abertas até 31-01-2023

Registo de acreditação: DGAE/911/2022

Modalidade: Curso de Formação

Duração: 25.0 horas

Início: 02-02-2023

Fim: 31-03-2023

Regime: b-learning

Local: Virtual /

Formador

Dra Cristina Quadros

Teresa Ranieri

Destinatários

Técnico Superior - Psicólogo e outros Técnicos Superiores na área de abrangência da CIM Região de Coimbra

Acreditado pelo

DGAE - Direção-Geral da Administração Escolar

Razões

MindSerena® é um modelo educativo de aprendizagem socioemocional e desenvolvimento pessoal, baseado nas abordagens científicas do Mindfulness e nos ODS. Concebido na FPCEUC, o Modelo MindSerena® iniciou implementação no Agrupamento de Escolas de Penacova, em 2018/19, a convite do Município, financiado pelo Programa Realiza-te da CIM-RC. O impacto, a nível da sua aceitabilidade e das dimensões de mudanças esperadas nos planos cognitivo, emocional, interpessoal e de rendimento escolar, motivou o convite da CIM-RC para implementar o Modelo nos Municípios que a integram, em 2022/23. Este Modelo promove uma cultura de bem-estar pessoal, social e ambiental através de atividades educativas experienciais orientadas para o desenvolvimento de competências de autorregulação da atenção e das emoções, de resiliência e adaptabilidade, de pensamento crítico e criativo, e de resolução de problemas. Melhora ainda a comunicação interpessoal e comportamento prossocialde alunos/as, professores/as e demais profissionais da educação, e acentua a presença e ação conscientes e uma atitude de compromisso, respeito e contemplativa para com a Natureza. Responde a todas as recomendações do Estudo da DGEEC “Observatório Escolar: Monitorização e Ação: Saúde Psicológica e Bem-Estar” de maio de 2022. Convocando uma abordagem sistémica, a implementação inicia com este Programa destinado a docentes a fim de compreenderem o alcance dos princípios e das práticas de Mindfulness, através de metodologias educativas experienciais, bem como desenvolverem as qualidades e atitudes adequadas à implementação destas práticas junto dos alunos. O treino específico para implementação junto dos alunos é feito numa etapa posterior com a Formação Aventura MindSerena.

Objetivos

Considerando a evidência científica do Mindfulness em contexto escolar e os resultados qualitativos e quantitativos já disponíveis do Modelo MindSerena®, espera-se impacto na: - Melhoria do bem-estar físico e psicossocial, - Redução de problemas de saúde mental (stress, ansiedade, depressão e burnout), - Aumento do autocuidado, - Aumento da conexão e do afeto positivo com os alunos, - Aumento da capacidade de focar a atenção, - Melhoria da adaptabilidade e resiliência

Conteúdos

O Programa de Introdução ao Mindfulness segue o protocolo do Programa de Redução de Stress baseado em Mindfulness – MBSR (Mindfulness Based Stress Reduction). O MBSR é um programa experiencial, dinamizado em sessões de grupo, que cultiva um estado de atenção intencional, focado no momento presente, sem julgamento. Desenvolvido em 1979 por Jon Kabat-Zinn, professor no Center for Mindfulness da Escola Médica da Universidade de Massachusetts, o MBSR tem visto a sua eficácia cientificamente demonstrada e é atualmente utilizado em numerosos países nos mais diversos contextos sociais e profissionais. Conteúdos: - Instruções guiadas nas práticas de meditação mindfulness; - Alongamentos suaves e movimento consciente; - Didática da neurobiologia do cérebro, da atenção, das emoções e da comunicação intra e interpessoal; - Diálogos e partilha em grupo orientados para promover a consciência e reflexão nas diversas situações do dia-a-dia; - Convite a práticas diárias entre sessões; - Ficheiros áudio para as práticas entre sessões; - Manual de apoio às práticas

Metodologias

Regime presencial / online, sincrono (de acordo com o cronograma) - sessões semanais online, síncronas = 20h - sessão prática presencial – 5h Assente essencialmente em metodologia experiencial, será também coadjuvado com o método expositivo conjugado ainda com o método interrogativo e demonstrativo, em todas as sessões.

Avaliação

Avaliação Quantitativa 0-20

Modelo

Inquérito de Satisfação da Ação de Formação

Bibliografia

Oliveira, A. L., Pereira, R. N., Mano, P. P., Pinheiro, R., & Freitas, P. (2020). Mindserena: Impacto do desenvolvimento de competências mindfulness em professores. In F. H. Veiga (Coord.), Envolvimento dos Alunos na Escola. Perspetivas da Psicologia e Educação – Inclusão e diversidade (pp. 424-440). Instituto de Educação, Univ. de Lisboa. ISBN: 978-989-8753- 60-1 Mano, P. P., Pereira, R. N., Quadros, C., Oliveira, A. L., Freitas, P., & Pinheiro, R. (2020). Mindserena: Desenvolvimento de competências atencionais e socioemocionais baseadas no mindfulness em alunos do 2o e 3o ciclos. In F. H. Veiga (Coord.), Envolvimento dos Alunos na Escola. Perspetivas da Psicologia e Educação – Inclusão e diversidade (pp. 441-455). Instituto de Educação, Univ. de Lisboa. ISBN: 978-989-8753-60-1 Oliveira, A. L. (2020). Mindfulness em contexto educativo: Projeto de aprendizagem socioemocional Mindserena. In A. A. A. Carvalho (Org.), Aplicações para dispositivos móveis e estratégias inovadoras na educação (pp. 141-151). Ministério da Educação, Direção Geral da Educação. ISBN: 978-972-742-448-1 Weare K., Bethune A., (2021). Implementing Mindfulness in Schools: an evidence-based guide, The Mindfulness Iniciative. ISBN: 978-1-913353-04-9 Kabat-Zinn, J. (2022). Mindfulness: A vida como ela é. Nascente. ISBN:978-989-564-980-8


Observações

Critérios de Seleção: - Técnicos Superiores Psicólogos e Outros Técnicos Superiores ligados à Educação dos Agrupamentos de Escolas e Escolas não Agrupadas e Municípios abrangidos pela CIM da Região de Coimbra de acordo com as Vagas por Municípios.

Informações: 1. - De acordo com as vagas estabelecidas para os 19 Municípios de Coimbra da Região CIM, existem vagas para todos os Municípios exceto Arganil, Coimbra Mortágua e Tábua (já preenchidos nas Turmas 1, 2 ) 2. - Poderão inscrever-se e ficar em lista de espera caso haja desistências dos Municípios e / ou abertura de mais turmas.

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 02-02-2023 (Quinta-feira) 17:30 - 18:30 1:00 Online síncrona
2 10-02-2023 (Sexta-feira) 14:00 - 16:30 2:30 Online síncrona
3 17-02-2023 (Sexta-feira) 14:00 - 16:30 2:30 Online síncrona
4 24-02-2023 (Sexta-feira) 14:00 - 16:30 2:30 Online síncrona
5 03-03-2023 (Sexta-feira) 14:00 - 16:30 2:30 Online síncrona
6 10-03-2023 (Sexta-feira) 14:00 - 16:30 2:30 Online síncrona
7 17-03-2023 (Sexta-feira) 14:00 - 16:30 2:30 Online síncrona
8 18-03-2023 (Sábado) 10:00 - 17:00 7:00 Presencial
9 24-03-2023 (Sexta-feira) 14:00 - 16:30 2:30 Online síncrona
10 31-03-2023 (Sexta-feira) 14:00 - 16:30 2:30 Online síncrona

INSCREVER-ME
219

Tecnologias móveis e metodologias para o ensino da Matemática nos primeiros anos
Docentes dos grupos de recrutamento 110, 100 e 910 - Mudança de Cronograma

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Educadores de infância (grupo 100), professores do 1º CEB (grupo 110) e do Ensino Especial (grupo 910).

Agrupamento de Escolas Martins de Freitas e Ambiente Virtual

Num ambiente onde os alunos têm à sua disposição tecnologias móveis cujo funcionamento dominam, torna-se relevante aproveitar esse conhecimento para conduzir ao longo do processo de aprendizagem. É também frequente entender-se metodologia ativa como metodologia significativa, no entanto são termos que ...
Ler mais Ler menos

Ref. 166AFD19T1 Inscrições abertas até 01-02-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-117373/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 07-02-2023

Fim: 23-05-2023

Regime: b-learning

Local: Agrupamento de Escolas Martins de Freitas e Ambiente Virtual

Formador

Marco Alexandre Carvalho Bento

Celestino Magalhães

Destinatários

Educadores de infância (grupo 100), professores do 1º CEB (grupo 110) e do Ensino Especial (grupo 910).

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Educadores de infância (grupo 100), professores do 1º CEB (grupo 110) e do Ensino Especial (grupo 910).. Mais se certifica que, para os efeitos previstos no artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Educadores de infância (grupo 100), professores do 1º CEB (grupo 110) e do Ensino Especial (grupo 910)..

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

Num ambiente onde os alunos têm à sua disposição tecnologias móveis cujo funcionamento dominam, torna-se relevante aproveitar esse conhecimento para conduzir ao longo do processo de aprendizagem. É também frequente entender-se metodologia ativa como metodologia significativa, no entanto são termos que representam ações diferentes. É neste contexto que surge esta oficina de formação com a qual nos propomos apresentar metodologias que promovem a participação ativa dos alunos no seu ambiente de aprendizagem, levam os formandos a entender o papel do professor como um facilitador da aprendizagem. Pretendemos abordar o ensino da matemática e o desenvolvimento do pensamento computacional nos primeiros anos com recurso a tecnologias móveis e a metodologias ativas. Com esta abordagem pretendemos trabalhar conceitos matemáticos interligando-os com a prática através de situações problemáticas que fomentem o desenvolvimento do raciocínio lógico e a criatividade.

Objetivos

Nesta oficina de formação pretende-se que os formandos adquirem competências que lhes permita desenvolver atividades pedagógicas de sucesso, assim objetivamos: • Sensibilizar os professores para a importância das pedagogias ativas e de robots. o Promover a reflexão o ensino do pensamento computacional • Sensibilizar os professores para as vantagens do uso de dispositivos móveis no ensino da matemática. o Promover a aplicação de metodologias ativas e de dispositivos móveis. • Refletir sobre os modelos de avaliação com dispositivos móveis; • Fomentar a aplicação dos modelos pedagógicos abordados. • Motivar os alunos para o ensino da matemática. • Promover um conjunto de competências computacionais para resolução de problemas da disciplina de matemática, combinando o pensamento matemático e o pensamento computacional. • Desenvolver o espírito crítico dos nossos alunos e desenvolver competências ao nível da comunicação e do trabalho colaborativo.

Conteúdos

1. Avaliação diagnóstica de competências (2h). 2. Ensinar matemática nos primeiros anos (2h);  Introdução ao pensamento computacional;  Aprender com robots. 3. Tecnologias móveis (3h)  Conceito de tecnologia móvel;  Vantagens e limitações;  Modelos pedagógicos favoráveis à tecnologia. 3. A aprendizagem invertida (3h)  Sala de aula invertida: conceito e tecnologias;  Vantagens e limitações. 4. Gamificação (3h)  Conceito de Gamificação;  Vantagens e limitações; 5. Aprendizagem baseada em projetos (3h)  A aprendizagem baseada em projetos nos primeiros anos: definição, objetivos e processos;  Vantagens, limitações e espaços. 6. Narrativa digital (3h)  A narrativa digital;  Vantagens e limitações. 7. Materiais manipuláveis (3h)  Robots para a aprendizagem da matemática nos primeiros anos;  Vantagens e dificuldades; 8. Avaliação (3h)  Avaliação da ação de formação;  Avaliação individual dos formandos.

Metodologias

Sessões Presenciais e Síncronas: As sessões serão de caráter essencialmente teórico-prático, onde se apresentará os conteúdos e proporá a exploração tecnologias móveis de apoio ao ensino da matemática. A utilização das plataformas digitais será feita no computador, tablet ou telemóvel de cada formando. Após algumas sessões, cada formando escolherá os conteúdos a aplicar nos seus alunos, planeará a sua implementação e fará um relatório individual dessa intervenção. Trabalho autónomo: Cada professor irá criar materiais próprios que serão agregados num espaço digital individual, onde colocará o material por si feito entre outros materiais que cada formando entenda relevante. O trabalho autónomo terá de ser concretizado em contexto de escola e/ou de sala de aula, de forma a que se retirem estratégias e técnicas estabelecidas e a sua aplicação. Deverá ser realizado uma reflexão consistente de forma à verificação dos resultados obtidos.

Avaliação

De acordo com o RJFC – DL 22/2014, de 11 de fevereiro – e nos termos dos nºs 5 e 6, do artigo 4.º do Despacho 4595/2015, de 6 de maio, a avaliação dos formandos é expressa numa classificação quantitativa na escala de 1 a 10 valores, de acordo com as menções definidas no ponto 6, do mesmo diploma. No processo de avaliação serão seguidos os critérios específicos do CFAE e critérios de avaliação baseados no desempenho dos formandos em cada sessão bem como as tarefas propostas realizadas por cada formando.

Modelo

Inquérito de Satisfação da Ação de Formação

Bibliografia

Lencastre, J. A., Bento, M., & Magalhães, C. (2016). Mobile Learning: potencial de inovação pedagógica. In Tânia Maria Hetkowskl & Maria Altina Ramos (orgs), Tecnologias e processos inovadores na educação (pp. 159-176).Martins, G. et. al., (2017). Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória. Lisboa: Ministério da Educação e Ciências, Direção Geral da Educação.Martinovic, D., McDougall, D., & Karadag, Z. (Eds.) (2012). Technology in Mathematics Education: Contemporary Issues. Santa Rosa: Informing Science Institute.Ministério da Educação e Ciência (2013). Programa e Metas de Curriculares Matemática. Acedido em 2 de Março de 2019 em http://www.dge.mec.pt/matematica.NCTM (2007). Princípios e Normas para a Matemática Escolar. Lisboa: APM.


Observações

Prioridades: 1ª. Docentes das Escolas Associadas do CFAE Minerva 2.ª Docentes das Escolas Não Associadas do CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 07-02-2023 (Terça-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Presencial
2 14-02-2023 (Terça-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Online síncrona
3 27-02-2023 (Segunda-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Online síncrona
4 13-03-2023 (Segunda-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Online síncrona
5 20-03-2023 (Segunda-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Online síncrona
6 27-03-2023 (Segunda-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Online síncrona
7 09-05-2023 (Terça-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Presencial
8 23-05-2023 (Terça-feira) 17:30 - 21:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

219
232

Encontro Arte-Ambiente – Mil Pássaros em Coimbra - Educadores de Infância
Educadoras/es de Infância - da rede pública do Município de Coimbra

ACD

 

3.0 horas

 

Presencial

 

Educadores de Infância da rede pública do concelho de Coimbra

Convento São Francisco - Coimbra

À chamada “emergência climática” talvez devamos acrescentar uma “emergência empática”. E talvez estas duas “emergências” correspondam a uma mesma necessidade de cuidar: cuidar do planeta onde vivemos; cuidar dos seres humanos que o habitam. É cada vez mais importante chamar a atenção para a necessidade de ...
Ler mais Ler menos

Ref. 173ACD13 T1 Inscrições abertas até 30-01-2023

Registo de acreditação: ACD13-2023

Modalidade: Ação curta duração

Duração: 3.0 horas

Início: 11-02-2023

Fim: 11-02-2023

Regime: Presencial

Local: Convento São Francisco - Coimbra

Formador

Helena Rodrigues

Destinatários

Educadores de Infância da rede pública do concelho de Coimbra

Releva

Despacho n.º 5741/2015 - Enquadra-se na possibilidade de ser reconhecida e certificada como ação de formação de curta duração a que se refere a alínea d) do n.º 1 do artigo 6.º do Decreto-Lei n.º 22/2014. 

Certificado pelo

CDCP - Conselho de Diretores da Comissão Pedagógica

Entidade formadora/Parceria

Câmara Municipal de Coimbra / Rede de Teatros e Cineteatros Portugueses / Convento São Francisco

Razões

À chamada “emergência climática” talvez devamos acrescentar uma “emergência empática”. E talvez estas duas “emergências” correspondam a uma mesma necessidade de cuidar: cuidar do planeta onde vivemos; cuidar dos seres humanos que o habitam. É cada vez mais importante chamar a atenção para a necessidade de preservar o mundo em que vivemos e há muitas formas de o fazer. Ensinar a olhar e escutar de forma poética é certamente uma das que faz falta e deve ser promovida desde a primeira infância. Este é o cerne de Mil Pássaros em Coimbra, um projeto-âncora de alcance estratégico, dirigido à comunidade pré-escolar do concelho de Coimbra, numa articulação entre a Divisão de Educação, a Divisão de Cultura e a Divisão de Gestão e Programação do Convento São Francisco. O projeto desenvolve-se ao longo do primeiro semestre de 2023, envolvendo 52 turmas do ensino pré-escolar distribuídas por 34 estabelecimentos escolares, os respetivos educadores/as de infância e assistentes operacionais, famílias das crianças participantes e outros cuidadores. A par de uma intensa vertente formativa, serão desenvolvidas atividades nos Jardins de Infância, e haverá grande presença no Convento de São Francisco onde serão desenvolvidas atividades de natureza complementar.

Objetivos

- Conhecer o projeto Mil Pássaros na generalidade. - Preparar a participação nas atividades que, nesse âmbito, vão ter lugar no Município de Coimbra. - Estabelecer contacto com a equipa artística, a equipa de mediação, colegas de profissão de diferentes jardins de Infância do Município e com outros interessados no bem-estar, na educação e cuidados de qualidade na infância.

Conteúdos

- Rota de Mil Pássaros - Apresentação - Canto dos Pássaros - Jogos de voz e movimento - Gabinete do pássaro - com quem voamos? - À escuta - Questões, Observações e Desejos

Metodologias

Palestras e workshops

Avaliação

Frequência

Modelo

Inquérito de Satisfação da Ação

Bibliografia

- Companhia de Música Teatral (2022). Rotas de Mil Pássaros. Lisboa: Companhia de Música Teatral.


Observações

Critérios de seleção: - Educadores de Infância da rede pública do concelho de Coimbra por ordem de inscrição.

Educadoras/es de Infância das Escolas da rede pública do Município de Coimbra por Ordem de Inscrição.

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 11-02-2023 (Sábado) 14:30 - 18:00 3:30 Presencial

INSCREVER-ME
233

Encontro Arte-Ambiente – Mil Pássaros em Coimbra - Pessoal Não Docente
Pessoal Não Docente da educação pré escolar da rede pública do Município de Coimbra

ACD

 

3.0 horas

 

Presencial

 

Pessoal Não Docente ligados ao setor da educação pré escolar da rede pública do concelho de Coimbra.

Convento São Francisco - Coimbra

À chamada “emergência climática” talvez devamos acrescentar uma “emergência empática”. E talvez estas duas “emergências” correspondam a uma mesma necessidade de cuidar: cuidar do planeta onde vivemos; cuidar dos seres humanos que o habitam. É cada vez mais importante chamar a atenção para a necessidade de ...
Ler mais Ler menos

Ref. 174ACD13PND T1 Inscrições abertas até 30-01-2023

Registo de acreditação: ACD13PND

Modalidade: Ação curta duração

Duração: 3.0 horas

Início: 11-02-2023

Fim: 11-02-2023

Regime: Presencial

Local: Convento São Francisco - Coimbra

Destinatários

Pessoal Não Docente ligados ao setor da educação pré escolar da rede pública do concelho de Coimbra.

Certificado pelo

CDCP - Conselho de Diretores da Comissão Pedagógica

Entidade formadora/Parceria

Câmara Municipal de Coimbra / Rede de Teatros e Cineteatros Portugueses / Convento São Francisco

Razões

À chamada “emergência climática” talvez devamos acrescentar uma “emergência empática”. E talvez estas duas “emergências” correspondam a uma mesma necessidade de cuidar: cuidar do planeta onde vivemos; cuidar dos seres humanos que o habitam. É cada vez mais importante chamar a atenção para a necessidade de preservar o mundo em que vivemos e há muitas formas de o fazer. Ensinar a olhar e escutar de forma poética é certamente uma das que faz falta e deve ser promovida desde a primeira infância. Este é o cerne de Mil Pássaros em Coimbra, um projeto-âncora de alcance estratégico, dirigido à comunidade pré-escolar do concelho de Coimbra, numa articulação entre a Divisão de Educação, a Divisão de Cultura e a Divisão de Gestão e Programação do Convento São Francisco. O projeto desenvolve-se ao longo do primeiro semestre de 2023, envolvendo 52 turmas do ensino pré-escolar distribuídas por 34 estabelecimentos escolares, os respetivos educadores/as de infância e assistentes operacionais, famílias das crianças participantes e outros cuidadores. A par de uma intensa vertente formativa, serão desenvolvidas atividades nos Jardins de Infância, e haverá grande presença no Convento de São Francisco onde serão desenvolvidas atividades de natureza complementar.

Objetivos

- Conhecer o projeto Mil Pássaros na generalidade. - Preparar a participação nas atividades que, nesse âmbito, vão ter lugar no Município de Coimbra. - Estabelecer contacto com a equipa artística, a equipa de mediação, colegas de profissão de diferentes jardins de Infância do Município e com outros interessados no bem-estar, na educação e cuidados de qualidade na infância.

Conteúdos

- Rota de Mil Pássaros - Apresentação - Canto dos Pássaros - Jogos de voz e movimento - Gabinete do pássaro - com quem voamos? - À escuta - Questões, Observações e Desejos

Metodologias

Palestras e workshops

Avaliação

Frequência

Modelo

Inquérito de Satisfação da Ação

Bibliografia

Companhia de Música Teatral (2022). Rotas de Mil Pássaros. Lisboa: Companhia de Música Teatral.


Observações

Critérios de seleção: - Pessoal Não Docente ligados ao setor da educação pré escolar da rede pública do concelho de Coimbra, por ordem de inscrição

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 11-03-2023 (Sábado) 14:30 - 18:00 3:30 Presencial

INSCREVER-ME
229

Capacitação Digital de Docentes - Nível 2
Professores de todos os grupos de recrutamento das Escolas Associadas do CFAE Minerva.

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa ...
Ler mais Ler menos

Ref. 125AFD2-T41 Inscrições abertas até 12-03-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-114473/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 13-03-2023

Fim: 29-05-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

Formador

João Pedro Franco Martiniano

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira. No âmbito do Despacho n.º 2053/2021, publicado a 24 de fevereiro, a ação de formação, releva na dimensão científico-pedagógica para a progressão da carreira docente..

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as CD dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 2) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de competências digitais dos alunos.']

Objetivos

['Esta ação de formação pretende desenvolver com os docentes de nível 2 (B1/B2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e estratégias que lhes permita desenvolver CD do nível seguinte (C1/C2 do DigCompEdu). \r\nSão objetivos específicos:\r\n- promover o desenvolvimento, aprofundamento e densificação das CD dos docentes, tendo em vista as 6 áreas do referencial DigCompEdu;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- capacitar os docentes para a implementação de atividades que promovam a aprendizagem e o desenvolvimento das CD dos alunos;\r\n- estimular a reflexão, partilha e utilização crítica das tecnologias em contexto educativo.']

Conteúdos

-\tDocumentos de enquadramento das políticas educativas.\r\n-\tEnvolvimento profissional: Discussão, renovação e inovação na prática profissional. Processos de liderança na era digital.\r\n-\tRecursos Educativos Digitais (RED): Utilização de estratégias e RED avançados de forma abrangente. Promoção da utilização de RED de forma colaborativa.\r\n-\tEnsino e Aprendizagem: Renovação da prática de ensino de forma estratégica e intencional. Inovação no processo de ensino e de aprendizagem em diferentes modalidades de ensino.\r\n-\tAvaliação das aprendizagens: Reflexão crítica sobre estratégias de avaliação digital. Inovação na avaliação das aprendizagens com recursos a soluções digitais.\r\n-\tCD dos Alunos: Promoção da CD dos alunos de forma abrangente e crítica. Inovação no envolvimento dos alunos utilizando formatos inovadores para promover a sua CD.\r\n-\tPlaneamento da formação e aprendizagem ao longo da vida.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA EditoraLicht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdfMinistério da Educação (2017). Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória, Lisboa: ME


Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 13-03-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 20-03-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 27-03-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 17-04-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 24-04-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 08-05-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 15-05-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 29-05-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

229
228

Capacitação Digital de Docentes - Nível 2
Professores de todos os grupos de recrutamento das Escolas Associadas do CFAE Minerva.

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa ...
Ler mais Ler menos

Ref. 125AFD2-T40 Inscrições abertas até 14-03-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-114473/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 15-03-2023

Fim: 17-05-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

Formador

Maria José Matos Sebastião

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira. No âmbito do Despacho n.º 2053/2021, publicado a 24 de fevereiro, a ação de formação, releva na dimensão científico-pedagógica para a progressão da carreira docente..

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as CD dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 2) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de competências digitais dos alunos.']

Objetivos

['Esta ação de formação pretende desenvolver com os docentes de nível 2 (B1/B2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e estratégias que lhes permita desenvolver CD do nível seguinte (C1/C2 do DigCompEdu). \r\nSão objetivos específicos:\r\n- promover o desenvolvimento, aprofundamento e densificação das CD dos docentes, tendo em vista as 6 áreas do referencial DigCompEdu;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- capacitar os docentes para a implementação de atividades que promovam a aprendizagem e o desenvolvimento das CD dos alunos;\r\n- estimular a reflexão, partilha e utilização crítica das tecnologias em contexto educativo.']

Conteúdos

-\tDocumentos de enquadramento das políticas educativas.\r\n-\tEnvolvimento profissional: Discussão, renovação e inovação na prática profissional. Processos de liderança na era digital.\r\n-\tRecursos Educativos Digitais (RED): Utilização de estratégias e RED avançados de forma abrangente. Promoção da utilização de RED de forma colaborativa.\r\n-\tEnsino e Aprendizagem: Renovação da prática de ensino de forma estratégica e intencional. Inovação no processo de ensino e de aprendizagem em diferentes modalidades de ensino.\r\n-\tAvaliação das aprendizagens: Reflexão crítica sobre estratégias de avaliação digital. Inovação na avaliação das aprendizagens com recursos a soluções digitais.\r\n-\tCD dos Alunos: Promoção da CD dos alunos de forma abrangente e crítica. Inovação no envolvimento dos alunos utilizando formatos inovadores para promover a sua CD.\r\n-\tPlaneamento da formação e aprendizagem ao longo da vida.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA EditoraLicht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdfMinistério da Educação (2017). Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória, Lisboa: ME


Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 15-03-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 22-03-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 29-03-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 19-04-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 26-04-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 10-05-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 17-05-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 31-05-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

228
227

Capacitação Digital de Docentes - Nível 1
Professores de todos os grupos de recrutamento das Escolas Associadas do CFAE Minerva

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores da Comissão Europeia (doravante DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação ...
Ler mais Ler menos

Ref. 124AFD1-T24 Inscrições abertas até 22-03-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-115037/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 23-03-2023

Fim: 01-06-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

Formador

António Luís Alves Correia Umbelino

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira. No âmbito do Despacho n.º 2053/2021, publicado a 24 de fevereiro, a ação de formação, releva na dimensão científico-pedagógica para a progressão da carreira docente..

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Entidade formadora/Parceria

Centro de Formação Associação de Escolas Minerva

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores da Comissão Europeia (doravante DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as CD dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 1) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se, assim, criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de CD dos alunos. Conjuntamente com esta formação, serão submetidas outras duas, articuladas ao nível da progressão dos conteúdos.']

Objetivos

['Esta ação de formação pretende desenvolver com os docentes de nível 1 (A1/A2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e estratégias que lhes permita desenvolver CD do nível seguinte (B1/B2 do DigCompEdu).\r\nSão objetivos específicos:\r\n- promover o desenvolvimento das CD dos docentes, tendo em vista as 6 áreas do referencial DigCompEdu;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- capacitar os docentes na utilização significativa de ambientes e ferramentas digitais e definição de estratégias diversificadas de integração destes em contexto educativo; \r\n- capacitar os docentes para a implementação de atividades promotoras da aprendizagem e o desenvolvimento das CD dos alunos.']

Conteúdos

1. Documentos enquadradores das políticas educativas atuais associados ao Plano nacional de Transição Digital.\r\n2. Envolvimento profissional: Exploração de opções digitais para colaboração e comunicação institucional e melhoria da prática profissional.\r\n3. Recursos Digitais: Exploração, seleção e adequação de RED ao contexto de aprendizagem. Utilização de RED interativos.\r\n4. Ensino e Aprendizagem: Exploração de estratégias de ensino e de aprendizagem digital. Integração significativa de RED na melhoria de atividades de ensino e aprendizagem.\r\n5. Avaliação das aprendizagens: Exploração de estratégias de avaliação digital. Melhoria das abordagens de avaliação através de soluções digitais.\r\n6. CD dos Alunos: Exploração de estratégias de promoção e uso pedagógico de tecnologias digitais. Utilização de ferramentas e estratégias para suporte ao desenho e implementação de atividades de promoção da CD dos alunos.\r\n7. Planificação de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA Editora.Licht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdfMinistério da Educação (2017). Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória, Lisboa: ME


Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 23-03-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 30-03-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 20-04-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 27-04-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 04-05-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 11-05-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 18-05-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 01-06-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

227