Contactos
Rua André Gouveia 3000-029 Coimbra
239 488 096 / 961 656 510

Oferta Formativa

Consulte informações sobre a oferta formativa

Documentos

Consulta e download de documentos e formulários.

Legislação

Consulte a legislação em vigor

Plano de Formação Previsto para o Ano Letivo de 2022/2023

CLIQUE AQUI para visualizar o Plano de Formação 2022/2023. Em breve inscrições abertas!

DIVULGAÇÃO

209

Práticas de trabalho em DAC: o poder Educativo das Artes e dos Patrimónios nos Domínios de Autonomia Curricular
Docentes do Agrupamento de Escolas Rainha Santa Isabel

ACD

 

3.0 horas

 

Presencial

 

Educadores de Infância, Professores do Ensino Básico, Secundário e Educação Especial

Agrupamento de Escolas Rainha Santa Isabel

A implementação da Autonomia e Flexibilidade Curricular dos ensinos básico e secundário (Decreto-Lei n.º 55/2018, de 6 de julho) dá às escolas a possibilidade de romper parcialmente com as regras de uma gramática escolar secular, experimentando formas alternativas de organização curricular, como sendo a ...
Ler mais Ler menos

Ref. 158ACD12/2022 Inscrições abertas até 02-12-2022

Registo de acreditação: ACD12/2022

Modalidade: Ação curta duração

Duração: 3.0 horas

Início: 07-12-2022

Fim: 07-12-2022

Regime: Presencial

Local: Agrupamento de Escolas Rainha Santa Isabel

Formador

Dina Maria de Oliveira Soares

Destinatários

Educadores de Infância, Professores do Ensino Básico, Secundário e Educação Especial

Releva

Despacho n.º 5741/2015 - Enquadra-se na possibilidade de ser reconhecida e certificada como ação de formação de curta duração a que se refere a alínea d) do n.º 1 do artigo 6.º do Decreto-Lei n.º 22/2014. 

Certificado pelo

CDCP - Conselho de Diretores da Comissão Pedagógica

Entidade formadora/Parceria

Agrupamento de Escolas Rainha Santa Isabel

Razões

A implementação da Autonomia e Flexibilidade Curricular dos ensinos básico e secundário (Decreto-Lei n.º 55/2018, de 6 de julho) dá às escolas a possibilidade de romper parcialmente com as regras de uma gramática escolar secular, experimentando formas alternativas de organização curricular, como sendo a criação de Domínios de Autonomia Curricular (DAC), entre outras possibilidades. Os DAC assumem particular relevo como “áreas de confluência de trabalho interdisciplinar e ou de articulação curricular…”(Decreto-Lei n.º 55/2018). A operacionalização dos DAC exige um trabalho de planificação que permita uma verdadeira integração curricular e promova aprendizagens significativas para todos os alunos, desenvolvendo nestes a autonomia, o espírito crítico, a criatividade... Assim, pretende-se a adoção de práticas pedagógicas capazes de promover uma maior implicação dos alunos nas aprendizagens a realizar, como sendo a metodologia de projeto, (a Metodologia de Trabalho de Projeto está associada a uma visão interdisciplinar e transdisciplinar do saber e adquire sentido na experiência do aluno, (Oliveira, 2016); o trabalho prático e experimental; atividades cooperativas de aprendizagem. A dinâmica transdisciplinar e a possibilidade de uso de diferentes linguagens artísticas podem constituir recursos essenciais para a operacionalização dos DAC. Nesta perspetiva, pretende-se criar um espaço de reflexão para capacitar os docentes para o desenvolvimento desta opção curricular prevista na legislação, mobilizando o poder indisciplinador das artes e dos patrimónios, inquietando, desarrumando e pondo em causa a ordem e certezas habituais, criando espaços de liberdade para a construção pessoal e coletiva: lugares e tempos de questionamento e abertura.

Objetivos

• Refletir sobre a importância da implementação de Domínios de Autonomia Curricular (DAC) no contexto da legislação em vigor; • Operacionalizar /planificar DAC, em equipas multidisciplinares, recorrendo às áreas artísticas e aos patrimónios como veículo para alargar o conhecimento; • Partilhar boas práticas de trabalhos por DAC.

Conteúdos

Reflexão sobre a importância da implementação de Domínios de Autonomia Curricular (DAC) no contexto da legislação em vigor; Princípios para a planificação e concretização de DAC; Pedagogia de projeto na construção dos DAC – Exposição das diferentes possibilidades e exemplos de casos práticos; O poder educativo das artes e dos patrimónios como facilitador dos trabalhos por DAC; Trabalho prático: Planeamento de DAC em equipas de aprendizagem cooperativa, partindo das artes e dos patrimónios; Partilha e considerações sobre o trabalho desenvolvido.

Metodologias

A ACD terá uma primeira parte expositiva, dedicada ao conceito de DAC e à operacionalização dos Domínios de Autonomia Curricular: cenários possíveis (1:30h); Planificação de um DAC, em equipas multidisciplinares, partindo das AE (trabalho prático – 1:00h); Apresentação e discussão dos trabalhos realizados (30’)

Avaliação

Frequência

Modelo

Inquério de Avaliação

Bibliografia

Cohen, Ana Cláudia; Fradique, José (2018) - Guia da Autonomia e Flexibilidade Curricular. Lisboa, Raiz Editora. Cosme, Ariane (2018) - Autonomia e flexibilidade curricular : propostas e estratégias de ação: ensino básico, ensino secundário. Porto, Porto Editora.


Observações

Prioridade: 1ª - Professores do Agrupamento de Escolas Rainha Santa Isabel 2ª - Professores das Escolas Associadas do CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 07-12-2022 (Quarta-feira) 14:30 - 17:30 3:00 Presencial

INSCREVER-ME
212

Diferenças do Espectro do Autismo: Do diagnóstico à Intervenção
Exclusiva para os Docentes do A. E. Vila Nova de Poiares

ACD

 

3.0 horas

 

Presencial

 

Educadores/as de Infância, Professores/as do Ensino Básico e Secundário e de Educação Especial

Escola sede do Agrupamento de Escolas Vila Nova de Poiares

Pretende-se com esta Ação de Formação consciencializar para o espectro do autismo fazendo um percurso que se inicia com a identificação de sinais, o processo de referenciação e o diagnóstico e, a intervenção numa abordagem integradora e abrangente do contexto familiar e escolar. Acrescenta-se ainda, que ...
Ler mais Ler menos

Ref. 160ACD15/2022 Inscrições abertas até 02-12-2022

Registo de acreditação: ACD15/2022

Modalidade: Ação curta duração

Duração: 3.0 horas

Início: 07-12-2022

Fim: 07-12-2022

Regime: Presencial

Local: Escola sede do Agrupamento de Escolas Vila Nova de Poiares

Destinatários

Educadores/as de Infância, Professores/as do Ensino Básico e Secundário e de Educação Especial

Releva

Despacho n.º 5741/2015 - Enquadra-se na possibilidade de ser reconhecida e certificada como ação de formação de curta duração a que se refere a alínea d) do n.º 1 do artigo 6.º do Decreto-Lei n.º 22/2014. 

Certificado pelo

CDCP - Conselho de Diretores da Comissão Pedagógica

Entidade formadora/Parceria

Agrupamento de Escolas Vila Nova de Poiares

Razões

Pretende-se com esta Ação de Formação consciencializar para o espectro do autismo fazendo um percurso que se inicia com a identificação de sinais, o processo de referenciação e o diagnóstico e, a intervenção numa abordagem integradora e abrangente do contexto familiar e escolar. Acrescenta-se ainda, que esta Ação, possa ser um espaço de partilha onde poderão expor situações específicas e/ou desafios com que se deparam no vosso dia-a-dia e na relação com crianças/adolescentes no espectro do autismo.

Objetivos

Consciencializar para o espectro do autismo; Disseminação de boas práticas para a intervenção no espectro do autismo.

Conteúdos

1. O que é o Autismo? 1.1. Sinais e características; 1.2. Processo de referenciação; 1.3. Processo de Diagnóstico; 2. A intervenção: 2.1. Modelos de intervenção 2.2. Modelo Sistémico na intervenção 2.3. Autismo: Dos défices às diferenças 3. Partilha e Reflexão

Metodologias

Expositiva, Ativa e Demonstrativa.

Avaliação

Presença.

Modelo

Inquérito de Satisfação de Avaliação da Ação.

Bibliografia

Documentos produzidos pela Formadora.



INSCREVER-ME
188

Capacitação Digital de Docentes - Nível 1
Professores do 1º Ciclo; Professores de Línguas

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores da Comissão Europeia (doravante DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação ...
Ler mais Ler menos

Ref. 124T21 Inscrições abertas até 09-01-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-115037/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 09-01-2023

Fim: 06-03-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

Formador

Sandra Cristina Dias Albino da Costa

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Entidade formadora/Parceria

Centro de Formação Associação de Escolas Minerva

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores da Comissão Europeia (doravante DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as CD dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 1) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se, assim, criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de CD dos alunos. Conjuntamente com esta formação, serão submetidas outras duas, articuladas ao nível da progressão dos conteúdos.']

Objetivos

['Esta ação de formação pretende desenvolver com os docentes de nível 1 (A1/A2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e estratégias que lhes permita desenvolver CD do nível seguinte (B1/B2 do DigCompEdu).\r\nSão objetivos específicos:\r\n- promover o desenvolvimento das CD dos docentes, tendo em vista as 6 áreas do referencial DigCompEdu;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- capacitar os docentes na utilização significativa de ambientes e ferramentas digitais e definição de estratégias diversificadas de integração destes em contexto educativo; \r\n- capacitar os docentes para a implementação de atividades promotoras da aprendizagem e o desenvolvimento das CD dos alunos.']

Conteúdos

1. Documentos enquadradores das políticas educativas atuais associados ao Plano nacional de Transição Digital.\r\n2. Envolvimento profissional: Exploração de opções digitais para colaboração e comunicação institucional e melhoria da prática profissional.\r\n3. Recursos Digitais: Exploração, seleção e adequação de RED ao contexto de aprendizagem. Utilização de RED interativos.\r\n4. Ensino e Aprendizagem: Exploração de estratégias de ensino e de aprendizagem digital. Integração significativa de RED na melhoria de atividades de ensino e aprendizagem.\r\n5. Avaliação das aprendizagens: Exploração de estratégias de avaliação digital. Melhoria das abordagens de avaliação através de soluções digitais.\r\n6. CD dos Alunos: Exploração de estratégias de promoção e uso pedagógico de tecnologias digitais. Utilização de ferramentas e estratégias para suporte ao desenho e implementação de atividades de promoção da CD dos alunos.\r\n7. Planificação de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA Editora.Licht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdfMinistério da Educação (2017). Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória, Lisboa: ME


Observações

Modalidade b-learning Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 09-01-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 16-01-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 23-01-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 30-01-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 06-02-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 13-02-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 27-02-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 06-03-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

188
192

Capacitação Digital de Docentes - Nível 2
PREFERENCIAL PARA GRUPOS 300 + 330 + 350

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa ...
Ler mais Ler menos

Ref. 125T34 Inscrições abertas até 09-01-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-114473/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 09-01-2023

Fim: 06-03-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

Formador

Maria José Matos Sebastião

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as CD dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 2) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de competências digitais dos alunos.']

Objetivos

['Esta ação de formação pretende desenvolver com os docentes de nível 2 (B1/B2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e estratégias que lhes permita desenvolver CD do nível seguinte (C1/C2 do DigCompEdu). \r\nSão objetivos específicos:\r\n- promover o desenvolvimento, aprofundamento e densificação das CD dos docentes, tendo em vista as 6 áreas do referencial DigCompEdu;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- capacitar os docentes para a implementação de atividades que promovam a aprendizagem e o desenvolvimento das CD dos alunos;\r\n- estimular a reflexão, partilha e utilização crítica das tecnologias em contexto educativo.']

Conteúdos

-\tDocumentos de enquadramento das políticas educativas.\r\n-\tEnvolvimento profissional: Discussão, renovação e inovação na prática profissional. Processos de liderança na era digital.\r\n-\tRecursos Educativos Digitais (RED): Utilização de estratégias e RED avançados de forma abrangente. Promoção da utilização de RED de forma colaborativa.\r\n-\tEnsino e Aprendizagem: Renovação da prática de ensino de forma estratégica e intencional. Inovação no processo de ensino e de aprendizagem em diferentes modalidades de ensino.\r\n-\tAvaliação das aprendizagens: Reflexão crítica sobre estratégias de avaliação digital. Inovação na avaliação das aprendizagens com recursos a soluções digitais.\r\n-\tCD dos Alunos: Promoção da CD dos alunos de forma abrangente e crítica. Inovação no envolvimento dos alunos utilizando formatos inovadores para promover a sua CD.\r\n-\tPlaneamento da formação e aprendizagem ao longo da vida.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA EditoraLicht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdfMinistério da Educação (2017). Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória, Lisboa: ME


Observações

Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 09-01-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 16-01-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 23-01-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 30-01-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 06-02-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 13-02-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 27-02-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 06-03-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

192
193

Capacitação Digital de Docentes - Nível 2
PREFERENCIAL PARA GRUPOS 2º CICLO e Conservatório

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa ...
Ler mais Ler menos

Ref. 125T35 Inscrições abertas até 09-01-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-114473/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 09-01-2023

Fim: 06-03-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

Formador

João Pedro Franco Martiniano

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as CD dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 2) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de competências digitais dos alunos.']

Objetivos

['Esta ação de formação pretende desenvolver com os docentes de nível 2 (B1/B2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e estratégias que lhes permita desenvolver CD do nível seguinte (C1/C2 do DigCompEdu). \r\nSão objetivos específicos:\r\n- promover o desenvolvimento, aprofundamento e densificação das CD dos docentes, tendo em vista as 6 áreas do referencial DigCompEdu;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- capacitar os docentes para a implementação de atividades que promovam a aprendizagem e o desenvolvimento das CD dos alunos;\r\n- estimular a reflexão, partilha e utilização crítica das tecnologias em contexto educativo.']

Conteúdos

-\tDocumentos de enquadramento das políticas educativas.\r\n-\tEnvolvimento profissional: Discussão, renovação e inovação na prática profissional. Processos de liderança na era digital.\r\n-\tRecursos Educativos Digitais (RED): Utilização de estratégias e RED avançados de forma abrangente. Promoção da utilização de RED de forma colaborativa.\r\n-\tEnsino e Aprendizagem: Renovação da prática de ensino de forma estratégica e intencional. Inovação no processo de ensino e de aprendizagem em diferentes modalidades de ensino.\r\n-\tAvaliação das aprendizagens: Reflexão crítica sobre estratégias de avaliação digital. Inovação na avaliação das aprendizagens com recursos a soluções digitais.\r\n-\tCD dos Alunos: Promoção da CD dos alunos de forma abrangente e crítica. Inovação no envolvimento dos alunos utilizando formatos inovadores para promover a sua CD.\r\n-\tPlaneamento da formação e aprendizagem ao longo da vida.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA EditoraLicht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdfMinistério da Educação (2017). Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória, Lisboa: ME


Observações

Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 09-01-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 16-01-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 23-01-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 30-01-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 06-02-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 13-02-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 27-02-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 06-03-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

193
202

Capacitação Digital de Docentes - Nível 3
PREFERENCIAL PARA DOCENTES do Conservatório de Música de Coimbra

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Conservatório de Música de Coimbra e Ambiente Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa ...
Ler mais Ler menos

Ref. 126AFD3T07 Inscrições abertas até 09-01-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-115038/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 09-01-2023

Fim: 15-05-2023

Regime: b-learning

Local: Conservatório de Música de Coimbra e Ambiente Virtual

Formador

Agostinho Pereira de Andrade

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as competências digitais dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 3) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de CD dos alunos. Conjuntamente com esta formação, serão submetidas outras duas, articuladas ao nível da progressão dos conteúdos.']

Objetivos

['Pretende-se desenvolver com os docentes de nível 3 (C1/C2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e de processos que lhes permita potenciar as suas competências digitais na promoção de estratégias e ações inovadoras na comunidade educativa. \r\nSão objetivos específicos:\r\n- formular estratégias pedagógicas inovadoras e promotoras das CD dos docentes e alunos;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- promover o desenvolvimento de ações que contribuam para os Plano de Ação para o Desenvolvimento Digital das suas escolas;\r\n- promover e estimular a reflexão, a partilha e a utilização crítica das tecnologias digitais em contexto educativo.']

Conteúdos

Os conteúdos da ação surgem, em sentido articulado e incremental, com os conteúdos da formação de nível 1 e 2.\r\n-\tExploração de documentos de enquadramento das políticas educativas.\r\n-\tDiscussão, renovação e inovação na prática profissional.\r\n-\tReflexão em torno de conceitos relacionados com escolas, professores e alunos digitalmente competentes. \r\n-\tUtilização das tecnologias digitais na colaboração e inovação pedagógica ao serviço da comunidade educativa.\r\n-\tEstratégias e metodologias relacionadas com o desenvolvimento curricular através de ambientes e ferramentas digitais.\r\n-\tEstratégias digitais de caráter científico-pedagógico promotoras do desenvolvimento profissional dos docentes.\r\n-\tPlaneamento de atividades didático-pedagógicas promotoras do desenvolvimento da competência digital dos alunos.\r\n-\tConceção de Planos de Ação para o Desenvolvimento Digital: conceitos, metodologias de desenvolvimento, implementação, monitorização, avaliação.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENEU Science Hub (2018). Self-reflection tool for digitally capable schools (SELFIE). Disponível em: https://ec.europa.eu/jrc/en/digcomporg/selfie-toolLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA Editora.Licht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdf


Observações

Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 16-01-2023 (Segunda-feira) 09:00 - 12:00 3:00 Presencial
2 23-01-2023 (Segunda-feira) 09:00 - 12:00 3:00 Online síncrona
3 13-02-2023 (Segunda-feira) 09:00 - 12:00 3:00 Online síncrona
4 06-03-2023 (Segunda-feira) 09:00 - 12:00 3:00 Presencial
5 13-03-2023 (Segunda-feira) 09:00 - 12:00 3:00 Online síncrona
6 20-03-2023 (Segunda-feira) 09:00 - 12:00 3:00 Online síncrona
7 17-04-2023 (Segunda-feira) 09:00 - 12:00 3:00 Online síncrona
8 15-05-2023 (Segunda-feira) 09:00 - 13:00 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

202
189

Capacitação Digital de Docentes - Nível 1
GRUPOS 250 + 260 + 600 + 620 + 900

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores da Comissão Europeia (doravante DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação ...
Ler mais Ler menos

Ref. 124T22 Inscrições abertas até 10-01-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-115037/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 10-01-2023

Fim: 14-03-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

Formador

António Luís Alves Correia Umbelino

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Entidade formadora/Parceria

Centro de Formação Associação de Escolas Minerva

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores da Comissão Europeia (doravante DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as CD dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 1) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se, assim, criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de CD dos alunos. Conjuntamente com esta formação, serão submetidas outras duas, articuladas ao nível da progressão dos conteúdos.']

Objetivos

['Esta ação de formação pretende desenvolver com os docentes de nível 1 (A1/A2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e estratégias que lhes permita desenvolver CD do nível seguinte (B1/B2 do DigCompEdu).\r\nSão objetivos específicos:\r\n- promover o desenvolvimento das CD dos docentes, tendo em vista as 6 áreas do referencial DigCompEdu;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- capacitar os docentes na utilização significativa de ambientes e ferramentas digitais e definição de estratégias diversificadas de integração destes em contexto educativo; \r\n- capacitar os docentes para a implementação de atividades promotoras da aprendizagem e o desenvolvimento das CD dos alunos.']

Conteúdos

1. Documentos enquadradores das políticas educativas atuais associados ao Plano nacional de Transição Digital.\r\n2. Envolvimento profissional: Exploração de opções digitais para colaboração e comunicação institucional e melhoria da prática profissional.\r\n3. Recursos Digitais: Exploração, seleção e adequação de RED ao contexto de aprendizagem. Utilização de RED interativos.\r\n4. Ensino e Aprendizagem: Exploração de estratégias de ensino e de aprendizagem digital. Integração significativa de RED na melhoria de atividades de ensino e aprendizagem.\r\n5. Avaliação das aprendizagens: Exploração de estratégias de avaliação digital. Melhoria das abordagens de avaliação através de soluções digitais.\r\n6. CD dos Alunos: Exploração de estratégias de promoção e uso pedagógico de tecnologias digitais. Utilização de ferramentas e estratégias para suporte ao desenho e implementação de atividades de promoção da CD dos alunos.\r\n7. Planificação de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA Editora.Licht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdfMinistério da Educação (2017). Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória, Lisboa: ME


Observações

Modalidade b-learning Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 10-01-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 17-01-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 24-01-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 31-01-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 07-02-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 14-02-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 28-02-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 14-03-2023 (Terça-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

189
191

Capacitação Digital de Docentes - Nível 2
PREFERENCIAL PARA Professores do 1º Ciclo;

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa ...
Ler mais Ler menos

Ref. 125T33 Inscrições abertas até 10-01-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-114473/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 10-01-2023

Fim: 07-03-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

Formador

Sandra Cristina Dias Albino da Costa

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as CD dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 2) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de competências digitais dos alunos.']

Objetivos

['Esta ação de formação pretende desenvolver com os docentes de nível 2 (B1/B2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e estratégias que lhes permita desenvolver CD do nível seguinte (C1/C2 do DigCompEdu). \r\nSão objetivos específicos:\r\n- promover o desenvolvimento, aprofundamento e densificação das CD dos docentes, tendo em vista as 6 áreas do referencial DigCompEdu;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- capacitar os docentes para a implementação de atividades que promovam a aprendizagem e o desenvolvimento das CD dos alunos;\r\n- estimular a reflexão, partilha e utilização crítica das tecnologias em contexto educativo.']

Conteúdos

-\tDocumentos de enquadramento das políticas educativas.\r\n-\tEnvolvimento profissional: Discussão, renovação e inovação na prática profissional. Processos de liderança na era digital.\r\n-\tRecursos Educativos Digitais (RED): Utilização de estratégias e RED avançados de forma abrangente. Promoção da utilização de RED de forma colaborativa.\r\n-\tEnsino e Aprendizagem: Renovação da prática de ensino de forma estratégica e intencional. Inovação no processo de ensino e de aprendizagem em diferentes modalidades de ensino.\r\n-\tAvaliação das aprendizagens: Reflexão crítica sobre estratégias de avaliação digital. Inovação na avaliação das aprendizagens com recursos a soluções digitais.\r\n-\tCD dos Alunos: Promoção da CD dos alunos de forma abrangente e crítica. Inovação no envolvimento dos alunos utilizando formatos inovadores para promover a sua CD.\r\n-\tPlaneamento da formação e aprendizagem ao longo da vida.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA EditoraLicht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdfMinistério da Educação (2017). Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória, Lisboa: ME


Observações

Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 10-01-2023 (Terça-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Presencial
2 17-01-2023 (Terça-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Online síncrona
3 24-01-2023 (Terça-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Online síncrona
4 31-01-2023 (Terça-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Online síncrona
5 07-02-2023 (Terça-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Presencial
6 14-02-2023 (Terça-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Online síncrona
7 28-02-2023 (Terça-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Online síncrona
8 07-03-2023 (Terça-feira) 17:30 - 21:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

191
196

Capacitação Digital de Docentes - Nível 2
PREFERENCIAL PARA GRUPOS 400 + 410 + 420 + 600

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa ...
Ler mais Ler menos

Ref. 125T38 Inscrições abertas até 10-01-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-114473/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 10-01-2023

Fim: 07-03-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

Formador

Laurentina do Carmo Pinto Soares

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as CD dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 2) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de competências digitais dos alunos.']

Objetivos

['Esta ação de formação pretende desenvolver com os docentes de nível 2 (B1/B2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e estratégias que lhes permita desenvolver CD do nível seguinte (C1/C2 do DigCompEdu). \r\nSão objetivos específicos:\r\n- promover o desenvolvimento, aprofundamento e densificação das CD dos docentes, tendo em vista as 6 áreas do referencial DigCompEdu;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- capacitar os docentes para a implementação de atividades que promovam a aprendizagem e o desenvolvimento das CD dos alunos;\r\n- estimular a reflexão, partilha e utilização crítica das tecnologias em contexto educativo.']

Conteúdos

-\tDocumentos de enquadramento das políticas educativas.\r\n-\tEnvolvimento profissional: Discussão, renovação e inovação na prática profissional. Processos de liderança na era digital.\r\n-\tRecursos Educativos Digitais (RED): Utilização de estratégias e RED avançados de forma abrangente. Promoção da utilização de RED de forma colaborativa.\r\n-\tEnsino e Aprendizagem: Renovação da prática de ensino de forma estratégica e intencional. Inovação no processo de ensino e de aprendizagem em diferentes modalidades de ensino.\r\n-\tAvaliação das aprendizagens: Reflexão crítica sobre estratégias de avaliação digital. Inovação na avaliação das aprendizagens com recursos a soluções digitais.\r\n-\tCD dos Alunos: Promoção da CD dos alunos de forma abrangente e crítica. Inovação no envolvimento dos alunos utilizando formatos inovadores para promover a sua CD.\r\n-\tPlaneamento da formação e aprendizagem ao longo da vida.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA EditoraLicht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdfMinistério da Educação (2017). Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória, Lisboa: ME


Observações

Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 10-01-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 17-01-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 24-01-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 31-01-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 07-02-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 14-02-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 28-02-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 07-03-2023 (Terça-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

196
201

Capacitação Digital de Docentes - Nível 3
PREFERENCIAL PARA DOCENTES do AECS, AEEC e AERSI

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária de Avelar Brotero e Ambiente Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa ...
Ler mais Ler menos

Ref. 126AFD3T06 Inscrições abertas até 10-01-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-115038/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 10-01-2023

Fim: 16-05-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária de Avelar Brotero e Ambiente Virtual

Formador

Paulo Sérgio Azevedo Ribeiro

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as competências digitais dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 3) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de CD dos alunos. Conjuntamente com esta formação, serão submetidas outras duas, articuladas ao nível da progressão dos conteúdos.']

Objetivos

['Pretende-se desenvolver com os docentes de nível 3 (C1/C2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e de processos que lhes permita potenciar as suas competências digitais na promoção de estratégias e ações inovadoras na comunidade educativa. \r\nSão objetivos específicos:\r\n- formular estratégias pedagógicas inovadoras e promotoras das CD dos docentes e alunos;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- promover o desenvolvimento de ações que contribuam para os Plano de Ação para o Desenvolvimento Digital das suas escolas;\r\n- promover e estimular a reflexão, a partilha e a utilização crítica das tecnologias digitais em contexto educativo.']

Conteúdos

Os conteúdos da ação surgem, em sentido articulado e incremental, com os conteúdos da formação de nível 1 e 2.\r\n-\tExploração de documentos de enquadramento das políticas educativas.\r\n-\tDiscussão, renovação e inovação na prática profissional.\r\n-\tReflexão em torno de conceitos relacionados com escolas, professores e alunos digitalmente competentes. \r\n-\tUtilização das tecnologias digitais na colaboração e inovação pedagógica ao serviço da comunidade educativa.\r\n-\tEstratégias e metodologias relacionadas com o desenvolvimento curricular através de ambientes e ferramentas digitais.\r\n-\tEstratégias digitais de caráter científico-pedagógico promotoras do desenvolvimento profissional dos docentes.\r\n-\tPlaneamento de atividades didático-pedagógicas promotoras do desenvolvimento da competência digital dos alunos.\r\n-\tConceção de Planos de Ação para o Desenvolvimento Digital: conceitos, metodologias de desenvolvimento, implementação, monitorização, avaliação.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENEU Science Hub (2018). Self-reflection tool for digitally capable schools (SELFIE). Disponível em: https://ec.europa.eu/jrc/en/digcomporg/selfie-toolLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA Editora.Licht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdf


Observações

Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 10-01-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 24-01-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 07-02-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 28-02-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 14-03-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 18-04-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 02-05-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 16-05-2023 (Terça-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

201
213

Capacitação Digital de Docentes da educação pré-escolar
PRIORIDADE: Educadores/as de Infância CFAE Minerva

Oficina

 

25.0 horas

 

b-learning

 

Educadores de Infância

Sessões Presenciais: Agrupamento de Escolas Martim de Feitas

Considera-se fundamental no PTD a integração e capacitação digital dos educadores de infância nas suas práticas pedagógicas. Esta capacitação representa uma forte aposta no processo de valorização e no desenvolvimento profissional dos docentes no domínio da literacia digital e das competências digitais, no ...
Ler mais Ler menos

Ref. 161AFD13T2 Inscrições abertas até 30-12-2022

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-117197/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 25.0 horas

Início: 10-01-2023

Fim: 11-03-2023

Regime: b-learning

Local: Sessões Presenciais: Agrupamento de Escolas Martim de Feitas

Formador

Celestino Magalhães

Destinatários

Educadores de Infância

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Educadores de Infância. Mais se certifica que, para os efeitos previstos no artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Educadores de Infância.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

Considera-se fundamental no PTD a integração e capacitação digital dos educadores de infância nas suas práticas pedagógicas. Esta capacitação representa uma forte aposta no processo de valorização e no desenvolvimento profissional dos docentes no domínio da literacia digital e das competências digitais, no sentido de os dotar das competências necessárias à integração transversal, de modo a que estas se afirmem como facilitadoras das práticas profissionais e pedagógicas e, simultaneamente, promotoras de inovação no processo de ensino e de aprendizagem. O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores é o referencial que dá suporte a este plano, contribuindo para desenvolver as CD dos docentes do sistema educativo e formativo nacional.

Objetivos

Pretende-se apoiar os educadores na promoção de estratégias e de ações integradoras do digital que permitam melhorar a qualidade do trabalho realizado. São objetivos específicos da oficina: Conceber, selecionar e partilhar recursos digitais no âmbito da educação de infância; Integrar o digital nas propostas educativas, numa perspetiva da articulação plena das aprendizagens; Planificar, avaliar e comunicar com recurso ao digital. Capacitar os docentes da EPE para a promoção da utilização crítica e responsável de diferentes suportes digitais nas atividades do quotidiano das crianças.

Conteúdos

1. Exploração de opções digitais para colaboração e comunicação institucional e melhoria da prática profissional. 2. Exploração de estratégias de promoção do uso pedagógico de tecnologias digitais. 3. Exploração, seleção e adequação de Recursos Educativos Digitais (RED) ao contexto de aprendizagem. 4. Integração significativa de RED na melhoria de atividades de ensino e aprendizagem. 5. Exploração de recursos digitais de apoio ao planeamento e à avaliação das aprendizagens. 6. Planificação de atividades, projetos e outras metodologias com recurso às tecnologias digitais. 7. Utilização de estratégias para suporte ao desenho e implementação de atividades de promoção da cidadania digital das crianças. 8. Apresentação e partilha das atividades desenvolvidas pelos formandos na oficina. 9. Reflexão e debate sobre as atividades apresentadas e análise dos resultados obtidos pela sua implementação. 10. Avaliação e conclusões.

Metodologias

As sessões presenciais são destinadas: à exploração, reflexão e articulação das OCEPE com a integração dos ambientes digitais nas aprendizagens das crianças; à realização de atividades práticas de partilha, suportadas por um ambiente colaborativo; à exploração de ferramentas digitais para o desenvolvimento de atividades de aprendizagem promotoras da colaboração, comunicação e avaliação; à planificação e criação de atividades a implementar na educação pré-escolar, que promovam o desenvolvimento das CD dos docentes; à reflexão crítica sobre o desenvolvimento profissional docente. Na última sessão, os formandos apresentarão os resultados das atividades, com evidências, proporcionando-se a discussão e a partilha. Trabalho Autónomo: Em específico, na componente de trabalho autónomo, pretende-se assegurar a implementação das atividades planificadas nas sessões presenciais, em situações reais de ensino-aprendizagem, tendo por base as OCEPE, e a reflexão sobre as práticas desenvolvidas.

Avaliação

Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o “Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://ec.europa.eu/education/sites/education/files/document-library-docs/deap-swd-sept2020_en.pdfLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA Editora.Licht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdf.Kampylis, P., Punie, Y. & Devine, J. (2015); Promoting Effective Digital-Age Learning - A European Framework for Digitally-Competent Educational Organisations. Disponível: http://publications.jrc.ec.europa.eu/repository/bitstream/JRC98209/jrc98209_r_digcomporg_final.pdfLopes da Silva, I., Marques, L., Mata, L. e Rosa, M. (2016). Orientações Curriculares para a Educação Pré-Escolar. Lisboa: ME/DGE. Disponível em: http://www.dge.mec.pt/ocepe/sites/default/files/Orientacoes_Curriculares.pdf


Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 10-01-2023 (Terça-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Presencial
2 25-01-2023 (Quarta-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Online síncrona
3 08-02-2023 (Quarta-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Online síncrona
4 22-02-2023 (Quarta-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Online síncrona
5 28-02-2023 (Terça-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Presencial
6 15-03-2023 (Quarta-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Online síncrona
7 29-03-2023 (Quarta-feira) 17:30 - 20:30 3:00 Online síncrona
8 18-04-2023 (Terça-feira) 17:30 - 21:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

213
194

Capacitação Digital de Docentes - Nível 2
PREFERENCIAL PARA GRUPOS 430 + 500 + 530 + 540 + 550

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa ...
Ler mais Ler menos

Ref. 125T36 Inscrições abertas até 11-01-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-114473/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 11-01-2023

Fim: 08-03-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

Formador

Maria José Matos Sebastião

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as CD dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 2) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de competências digitais dos alunos.']

Objetivos

['Esta ação de formação pretende desenvolver com os docentes de nível 2 (B1/B2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e estratégias que lhes permita desenvolver CD do nível seguinte (C1/C2 do DigCompEdu). \r\nSão objetivos específicos:\r\n- promover o desenvolvimento, aprofundamento e densificação das CD dos docentes, tendo em vista as 6 áreas do referencial DigCompEdu;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- capacitar os docentes para a implementação de atividades que promovam a aprendizagem e o desenvolvimento das CD dos alunos;\r\n- estimular a reflexão, partilha e utilização crítica das tecnologias em contexto educativo.']

Conteúdos

-\tDocumentos de enquadramento das políticas educativas.\r\n-\tEnvolvimento profissional: Discussão, renovação e inovação na prática profissional. Processos de liderança na era digital.\r\n-\tRecursos Educativos Digitais (RED): Utilização de estratégias e RED avançados de forma abrangente. Promoção da utilização de RED de forma colaborativa.\r\n-\tEnsino e Aprendizagem: Renovação da prática de ensino de forma estratégica e intencional. Inovação no processo de ensino e de aprendizagem em diferentes modalidades de ensino.\r\n-\tAvaliação das aprendizagens: Reflexão crítica sobre estratégias de avaliação digital. Inovação na avaliação das aprendizagens com recursos a soluções digitais.\r\n-\tCD dos Alunos: Promoção da CD dos alunos de forma abrangente e crítica. Inovação no envolvimento dos alunos utilizando formatos inovadores para promover a sua CD.\r\n-\tPlaneamento da formação e aprendizagem ao longo da vida.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA EditoraLicht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdfMinistério da Educação (2017). Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória, Lisboa: ME


Observações

Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 11-01-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 18-01-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 25-01-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 01-02-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 08-02-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 15-02-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 01-03-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 08-03-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

194
195

Capacitação Digital de Docentes - Nível 2
PREFERENCIAL PARA GRUPOS 510 + 520

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa ...
Ler mais Ler menos

Ref. 125T37 Inscrições abertas até 11-01-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-114473/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 11-01-2023

Fim: 08-03-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

Formador

Laurentina do Carmo Pinto Soares

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as CD dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 2) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de competências digitais dos alunos.']

Objetivos

['Esta ação de formação pretende desenvolver com os docentes de nível 2 (B1/B2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e estratégias que lhes permita desenvolver CD do nível seguinte (C1/C2 do DigCompEdu). \r\nSão objetivos específicos:\r\n- promover o desenvolvimento, aprofundamento e densificação das CD dos docentes, tendo em vista as 6 áreas do referencial DigCompEdu;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- capacitar os docentes para a implementação de atividades que promovam a aprendizagem e o desenvolvimento das CD dos alunos;\r\n- estimular a reflexão, partilha e utilização crítica das tecnologias em contexto educativo.']

Conteúdos

-\tDocumentos de enquadramento das políticas educativas.\r\n-\tEnvolvimento profissional: Discussão, renovação e inovação na prática profissional. Processos de liderança na era digital.\r\n-\tRecursos Educativos Digitais (RED): Utilização de estratégias e RED avançados de forma abrangente. Promoção da utilização de RED de forma colaborativa.\r\n-\tEnsino e Aprendizagem: Renovação da prática de ensino de forma estratégica e intencional. Inovação no processo de ensino e de aprendizagem em diferentes modalidades de ensino.\r\n-\tAvaliação das aprendizagens: Reflexão crítica sobre estratégias de avaliação digital. Inovação na avaliação das aprendizagens com recursos a soluções digitais.\r\n-\tCD dos Alunos: Promoção da CD dos alunos de forma abrangente e crítica. Inovação no envolvimento dos alunos utilizando formatos inovadores para promover a sua CD.\r\n-\tPlaneamento da formação e aprendizagem ao longo da vida.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA EditoraLicht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdfMinistério da Educação (2017). Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória, Lisboa: ME


Observações

Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 11-01-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 18-01-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 25-01-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 01-02-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 08-02-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 15-02-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 01-03-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 08-03-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

195
197

Capacitação Digital de Docentes - Nível 2
PREFERENCIAL PARA GRUPOS 620 + 900

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa ...
Ler mais Ler menos

Ref. 125T39 Inscrições abertas até 11-01-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-114473/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 11-01-2023

Fim: 29-03-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

Formador

José Carlos Martins

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as CD dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 2) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de competências digitais dos alunos.']

Objetivos

['Esta ação de formação pretende desenvolver com os docentes de nível 2 (B1/B2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e estratégias que lhes permita desenvolver CD do nível seguinte (C1/C2 do DigCompEdu). \r\nSão objetivos específicos:\r\n- promover o desenvolvimento, aprofundamento e densificação das CD dos docentes, tendo em vista as 6 áreas do referencial DigCompEdu;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- capacitar os docentes para a implementação de atividades que promovam a aprendizagem e o desenvolvimento das CD dos alunos;\r\n- estimular a reflexão, partilha e utilização crítica das tecnologias em contexto educativo.']

Conteúdos

-\tDocumentos de enquadramento das políticas educativas.\r\n-\tEnvolvimento profissional: Discussão, renovação e inovação na prática profissional. Processos de liderança na era digital.\r\n-\tRecursos Educativos Digitais (RED): Utilização de estratégias e RED avançados de forma abrangente. Promoção da utilização de RED de forma colaborativa.\r\n-\tEnsino e Aprendizagem: Renovação da prática de ensino de forma estratégica e intencional. Inovação no processo de ensino e de aprendizagem em diferentes modalidades de ensino.\r\n-\tAvaliação das aprendizagens: Reflexão crítica sobre estratégias de avaliação digital. Inovação na avaliação das aprendizagens com recursos a soluções digitais.\r\n-\tCD dos Alunos: Promoção da CD dos alunos de forma abrangente e crítica. Inovação no envolvimento dos alunos utilizando formatos inovadores para promover a sua CD.\r\n-\tPlaneamento da formação e aprendizagem ao longo da vida.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA EditoraLicht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdfMinistério da Educação (2017). Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória, Lisboa: ME


Observações

Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 11-01-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 18-01-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 25-01-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 08-02-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 15-02-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 22-02-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 15-03-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 29-03-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

197
203

Capacitação Digital de Docentes - Nível 3
PREFERENCIAL PARA DOCENTES do AE Poiares e AE Penacova

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Presencial e Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa ...
Ler mais Ler menos

Ref. 126AFD3T08 Inscrições abertas até 08-11-2022

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-115038/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 11-01-2023

Fim: 17-05-2023

Regime: b-learning

Local: Presencial e Virtual

Formador

Agostinho Pereira de Andrade

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as competências digitais dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 3) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de CD dos alunos. Conjuntamente com esta formação, serão submetidas outras duas, articuladas ao nível da progressão dos conteúdos.']

Objetivos

['Pretende-se desenvolver com os docentes de nível 3 (C1/C2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e de processos que lhes permita potenciar as suas competências digitais na promoção de estratégias e ações inovadoras na comunidade educativa. \r\nSão objetivos específicos:\r\n- formular estratégias pedagógicas inovadoras e promotoras das CD dos docentes e alunos;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- promover o desenvolvimento de ações que contribuam para os Plano de Ação para o Desenvolvimento Digital das suas escolas;\r\n- promover e estimular a reflexão, a partilha e a utilização crítica das tecnologias digitais em contexto educativo.']

Conteúdos

Os conteúdos da ação surgem, em sentido articulado e incremental, com os conteúdos da formação de nível 1 e 2.\r\n-\tExploração de documentos de enquadramento das políticas educativas.\r\n-\tDiscussão, renovação e inovação na prática profissional.\r\n-\tReflexão em torno de conceitos relacionados com escolas, professores e alunos digitalmente competentes. \r\n-\tUtilização das tecnologias digitais na colaboração e inovação pedagógica ao serviço da comunidade educativa.\r\n-\tEstratégias e metodologias relacionadas com o desenvolvimento curricular através de ambientes e ferramentas digitais.\r\n-\tEstratégias digitais de caráter científico-pedagógico promotoras do desenvolvimento profissional dos docentes.\r\n-\tPlaneamento de atividades didático-pedagógicas promotoras do desenvolvimento da competência digital dos alunos.\r\n-\tConceção de Planos de Ação para o Desenvolvimento Digital: conceitos, metodologias de desenvolvimento, implementação, monitorização, avaliação.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENEU Science Hub (2018). Self-reflection tool for digitally capable schools (SELFIE). Disponível em: https://ec.europa.eu/jrc/en/digcomporg/selfie-toolLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA Editora.Licht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdf


Observações

Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 11-01-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 25-01-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 08-02-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 01-03-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 15-03-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 19-04-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 26-04-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 17-05-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

203
205

Capacitação Digital de Docentes - Nível 3
PREFERENCIAL PARA GRUPO 510 / 520 da ESAB, ESIDM e ESJF

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa ...
Ler mais Ler menos

Ref. 126AFD3-T10 Inscrições abertas até 11-01-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-115038/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 11-01-2023

Fim: 17-05-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

Formador

João José Marques Pimentel Leal

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as competências digitais dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 3) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de CD dos alunos. Conjuntamente com esta formação, serão submetidas outras duas, articuladas ao nível da progressão dos conteúdos.']

Objetivos

['Pretende-se desenvolver com os docentes de nível 3 (C1/C2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e de processos que lhes permita potenciar as suas competências digitais na promoção de estratégias e ações inovadoras na comunidade educativa. \r\nSão objetivos específicos:\r\n- formular estratégias pedagógicas inovadoras e promotoras das CD dos docentes e alunos;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- promover o desenvolvimento de ações que contribuam para os Plano de Ação para o Desenvolvimento Digital das suas escolas;\r\n- promover e estimular a reflexão, a partilha e a utilização crítica das tecnologias digitais em contexto educativo.']

Conteúdos

Os conteúdos da ação surgem, em sentido articulado e incremental, com os conteúdos da formação de nível 1 e 2.\r\n-\tExploração de documentos de enquadramento das políticas educativas.\r\n-\tDiscussão, renovação e inovação na prática profissional.\r\n-\tReflexão em torno de conceitos relacionados com escolas, professores e alunos digitalmente competentes. \r\n-\tUtilização das tecnologias digitais na colaboração e inovação pedagógica ao serviço da comunidade educativa.\r\n-\tEstratégias e metodologias relacionadas com o desenvolvimento curricular através de ambientes e ferramentas digitais.\r\n-\tEstratégias digitais de caráter científico-pedagógico promotoras do desenvolvimento profissional dos docentes.\r\n-\tPlaneamento de atividades didático-pedagógicas promotoras do desenvolvimento da competência digital dos alunos.\r\n-\tConceção de Planos de Ação para o Desenvolvimento Digital: conceitos, metodologias de desenvolvimento, implementação, monitorização, avaliação.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENEU Science Hub (2018). Self-reflection tool for digitally capable schools (SELFIE). Disponível em: https://ec.europa.eu/jrc/en/digcomporg/selfie-toolLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA Editora.Licht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdf


Observações

Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 11-01-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 25-01-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 08-02-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 01-03-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 15-03-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 19-04-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 03-05-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 17-05-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

205
187

Capacitação Digital de Docentes - Nível 1
FORMATO 100% PRESENCIAL; Professores de todos os grupos de recrutamento

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Agrupamento de Escolas Martim de Freitas

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores da Comissão Europeia (doravante DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação ...
Ler mais Ler menos

Ref. 124T20 Inscrições abertas até 12-01-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-115037/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 12-01-2023

Fim: 02-03-2023

Regime: b-learning

Local: Agrupamento de Escolas Martim de Freitas

Formador

Maria José Matos Sebastião

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Entidade formadora/Parceria

Centro de Formação Associação de Escolas Minerva

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores da Comissão Europeia (doravante DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as CD dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 1) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se, assim, criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de CD dos alunos. Conjuntamente com esta formação, serão submetidas outras duas, articuladas ao nível da progressão dos conteúdos.']

Objetivos

['Esta ação de formação pretende desenvolver com os docentes de nível 1 (A1/A2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e estratégias que lhes permita desenvolver CD do nível seguinte (B1/B2 do DigCompEdu).\r\nSão objetivos específicos:\r\n- promover o desenvolvimento das CD dos docentes, tendo em vista as 6 áreas do referencial DigCompEdu;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- capacitar os docentes na utilização significativa de ambientes e ferramentas digitais e definição de estratégias diversificadas de integração destes em contexto educativo; \r\n- capacitar os docentes para a implementação de atividades promotoras da aprendizagem e o desenvolvimento das CD dos alunos.']

Conteúdos

1. Documentos enquadradores das políticas educativas atuais associados ao Plano nacional de Transição Digital.\r\n2. Envolvimento profissional: Exploração de opções digitais para colaboração e comunicação institucional e melhoria da prática profissional.\r\n3. Recursos Digitais: Exploração, seleção e adequação de RED ao contexto de aprendizagem. Utilização de RED interativos.\r\n4. Ensino e Aprendizagem: Exploração de estratégias de ensino e de aprendizagem digital. Integração significativa de RED na melhoria de atividades de ensino e aprendizagem.\r\n5. Avaliação das aprendizagens: Exploração de estratégias de avaliação digital. Melhoria das abordagens de avaliação através de soluções digitais.\r\n6. CD dos Alunos: Exploração de estratégias de promoção e uso pedagógico de tecnologias digitais. Utilização de ferramentas e estratégias para suporte ao desenho e implementação de atividades de promoção da CD dos alunos.\r\n7. Planificação de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA Editora.Licht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdfMinistério da Educação (2017). Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória, Lisboa: ME


Observações

Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 12-01-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 19-01-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
3 26-01-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
4 02-02-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
5 09-02-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 16-02-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
7 23-02-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
8 02-03-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

187
190

Capacitação Digital de Docentes - Nível 1
Professores de todos os grupos de recrutamento;

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores da Comissão Europeia (doravante DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação ...
Ler mais Ler menos

Ref. 124T23 Inscrições abertas até 12-01-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-115037/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 12-01-2023

Fim: 16-03-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária Avelar Brotero e Virtual

Formador

António Luís Alves Correia Umbelino

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Entidade formadora/Parceria

Centro de Formação Associação de Escolas Minerva

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores da Comissão Europeia (doravante DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as CD dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 1) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se, assim, criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de CD dos alunos. Conjuntamente com esta formação, serão submetidas outras duas, articuladas ao nível da progressão dos conteúdos.']

Objetivos

['Esta ação de formação pretende desenvolver com os docentes de nível 1 (A1/A2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e estratégias que lhes permita desenvolver CD do nível seguinte (B1/B2 do DigCompEdu).\r\nSão objetivos específicos:\r\n- promover o desenvolvimento das CD dos docentes, tendo em vista as 6 áreas do referencial DigCompEdu;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- capacitar os docentes na utilização significativa de ambientes e ferramentas digitais e definição de estratégias diversificadas de integração destes em contexto educativo; \r\n- capacitar os docentes para a implementação de atividades promotoras da aprendizagem e o desenvolvimento das CD dos alunos.']

Conteúdos

1. Documentos enquadradores das políticas educativas atuais associados ao Plano nacional de Transição Digital.\r\n2. Envolvimento profissional: Exploração de opções digitais para colaboração e comunicação institucional e melhoria da prática profissional.\r\n3. Recursos Digitais: Exploração, seleção e adequação de RED ao contexto de aprendizagem. Utilização de RED interativos.\r\n4. Ensino e Aprendizagem: Exploração de estratégias de ensino e de aprendizagem digital. Integração significativa de RED na melhoria de atividades de ensino e aprendizagem.\r\n5. Avaliação das aprendizagens: Exploração de estratégias de avaliação digital. Melhoria das abordagens de avaliação através de soluções digitais.\r\n6. CD dos Alunos: Exploração de estratégias de promoção e uso pedagógico de tecnologias digitais. Utilização de ferramentas e estratégias para suporte ao desenho e implementação de atividades de promoção da CD dos alunos.\r\n7. Planificação de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA Editora.Licht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdfMinistério da Educação (2017). Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória, Lisboa: ME


Observações

Modalidade b-learning Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 12-01-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 19-01-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 26-01-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 02-02-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 09-02-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 16-02-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 02-03-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 16-03-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

190
200

Capacitação Digital de Docentes - Nível 3
PREFERENCIAL PARA GRUPOS 110 / 120 do AECS e AERSI

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária de Avelar Brotero e Ambiente Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa ...
Ler mais Ler menos

Ref. 126AFD3T05 Inscrições abertas até 12-01-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-115038/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 12-01-2023

Fim: 18-05-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária de Avelar Brotero e Ambiente Virtual

Formador

Paulo Sérgio Azevedo Ribeiro

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as competências digitais dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 3) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de CD dos alunos. Conjuntamente com esta formação, serão submetidas outras duas, articuladas ao nível da progressão dos conteúdos.']

Objetivos

['Pretende-se desenvolver com os docentes de nível 3 (C1/C2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e de processos que lhes permita potenciar as suas competências digitais na promoção de estratégias e ações inovadoras na comunidade educativa. \r\nSão objetivos específicos:\r\n- formular estratégias pedagógicas inovadoras e promotoras das CD dos docentes e alunos;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- promover o desenvolvimento de ações que contribuam para os Plano de Ação para o Desenvolvimento Digital das suas escolas;\r\n- promover e estimular a reflexão, a partilha e a utilização crítica das tecnologias digitais em contexto educativo.']

Conteúdos

Os conteúdos da ação surgem, em sentido articulado e incremental, com os conteúdos da formação de nível 1 e 2.\r\n-\tExploração de documentos de enquadramento das políticas educativas.\r\n-\tDiscussão, renovação e inovação na prática profissional.\r\n-\tReflexão em torno de conceitos relacionados com escolas, professores e alunos digitalmente competentes. \r\n-\tUtilização das tecnologias digitais na colaboração e inovação pedagógica ao serviço da comunidade educativa.\r\n-\tEstratégias e metodologias relacionadas com o desenvolvimento curricular através de ambientes e ferramentas digitais.\r\n-\tEstratégias digitais de caráter científico-pedagógico promotoras do desenvolvimento profissional dos docentes.\r\n-\tPlaneamento de atividades didático-pedagógicas promotoras do desenvolvimento da competência digital dos alunos.\r\n-\tConceção de Planos de Ação para o Desenvolvimento Digital: conceitos, metodologias de desenvolvimento, implementação, monitorização, avaliação.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENEU Science Hub (2018). Self-reflection tool for digitally capable schools (SELFIE). Disponível em: https://ec.europa.eu/jrc/en/digcomporg/selfie-toolLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA Editora.Licht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdf


Observações

Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 12-01-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 26-01-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 09-02-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 02-03-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 16-03-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 20-04-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 04-05-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 18-05-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

200
207

Capacitação Digital de Docentes - Nível 3
PREFERENCIAL PARA ESAB, ESIDM e ESJF

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária de Avelar Brotero e Ambiente Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa ...
Ler mais Ler menos

Ref. 126AFD3-T12 Inscrições abertas até 16-01-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-115038/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 16-01-2023

Fim: 29-05-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária de Avelar Brotero e Ambiente Virtual

Formador

José Carlos Martins

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as competências digitais dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 3) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de CD dos alunos. Conjuntamente com esta formação, serão submetidas outras duas, articuladas ao nível da progressão dos conteúdos.']

Objetivos

['Pretende-se desenvolver com os docentes de nível 3 (C1/C2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e de processos que lhes permita potenciar as suas competências digitais na promoção de estratégias e ações inovadoras na comunidade educativa. \r\nSão objetivos específicos:\r\n- formular estratégias pedagógicas inovadoras e promotoras das CD dos docentes e alunos;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- promover o desenvolvimento de ações que contribuam para os Plano de Ação para o Desenvolvimento Digital das suas escolas;\r\n- promover e estimular a reflexão, a partilha e a utilização crítica das tecnologias digitais em contexto educativo.']

Conteúdos

Os conteúdos da ação surgem, em sentido articulado e incremental, com os conteúdos da formação de nível 1 e 2.\r\n-\tExploração de documentos de enquadramento das políticas educativas.\r\n-\tDiscussão, renovação e inovação na prática profissional.\r\n-\tReflexão em torno de conceitos relacionados com escolas, professores e alunos digitalmente competentes. \r\n-\tUtilização das tecnologias digitais na colaboração e inovação pedagógica ao serviço da comunidade educativa.\r\n-\tEstratégias e metodologias relacionadas com o desenvolvimento curricular através de ambientes e ferramentas digitais.\r\n-\tEstratégias digitais de caráter científico-pedagógico promotoras do desenvolvimento profissional dos docentes.\r\n-\tPlaneamento de atividades didático-pedagógicas promotoras do desenvolvimento da competência digital dos alunos.\r\n-\tConceção de Planos de Ação para o Desenvolvimento Digital: conceitos, metodologias de desenvolvimento, implementação, monitorização, avaliação.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENEU Science Hub (2018). Self-reflection tool for digitally capable schools (SELFIE). Disponível em: https://ec.europa.eu/jrc/en/digcomporg/selfie-toolLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA Editora.Licht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdf


Observações

Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 16-01-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 23-01-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 13-02-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 06-03-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 27-03-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 17-04-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 08-05-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 29-05-2023 (Segunda-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

207
158

Capacitação Digital de Docentes - Nível 3
PREFERENCIAL PARA GRUPO 910 do AECS, AEEC e AERSI

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária de Avelar Brotero e Ambiente Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa ...
Ler mais Ler menos

Ref. 126AFD3T04 Inscrições abertas até 17-01-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-115038/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 17-01-2023

Fim: 30-05-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária de Avelar Brotero e Ambiente Virtual

Formador

José Carlos Martins

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as competências digitais dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 3) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de CD dos alunos. Conjuntamente com esta formação, serão submetidas outras duas, articuladas ao nível da progressão dos conteúdos.']

Objetivos

['Pretende-se desenvolver com os docentes de nível 3 (C1/C2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e de processos que lhes permita potenciar as suas competências digitais na promoção de estratégias e ações inovadoras na comunidade educativa. \r\nSão objetivos específicos:\r\n- formular estratégias pedagógicas inovadoras e promotoras das CD dos docentes e alunos;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- promover o desenvolvimento de ações que contribuam para os Plano de Ação para o Desenvolvimento Digital das suas escolas;\r\n- promover e estimular a reflexão, a partilha e a utilização crítica das tecnologias digitais em contexto educativo.']

Conteúdos

Os conteúdos da ação surgem, em sentido articulado e incremental, com os conteúdos da formação de nível 1 e 2.\r\n-\tExploração de documentos de enquadramento das políticas educativas.\r\n-\tDiscussão, renovação e inovação na prática profissional.\r\n-\tReflexão em torno de conceitos relacionados com escolas, professores e alunos digitalmente competentes. \r\n-\tUtilização das tecnologias digitais na colaboração e inovação pedagógica ao serviço da comunidade educativa.\r\n-\tEstratégias e metodologias relacionadas com o desenvolvimento curricular através de ambientes e ferramentas digitais.\r\n-\tEstratégias digitais de caráter científico-pedagógico promotoras do desenvolvimento profissional dos docentes.\r\n-\tPlaneamento de atividades didático-pedagógicas promotoras do desenvolvimento da competência digital dos alunos.\r\n-\tConceção de Planos de Ação para o Desenvolvimento Digital: conceitos, metodologias de desenvolvimento, implementação, monitorização, avaliação.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENEU Science Hub (2018). Self-reflection tool for digitally capable schools (SELFIE). Disponível em: https://ec.europa.eu/jrc/en/digcomporg/selfie-toolLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA Editora.Licht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdf


Observações

Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 17-01-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 24-01-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 14-02-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 07-03-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 28-03-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 18-04-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 09-05-2023 (Terça-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 30-05-2023 (Terça-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

158
206

Capacitação Digital de Docentes - Nível 3
PREFERENCIAL PARA GRUPO da ESAB, ESIDM e ESJF

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária de Avelar Brotero e Ambiente Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa ...
Ler mais Ler menos

Ref. 126AFD3-T11 Inscrições abertas até 18-01-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-115038/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 18-01-2023

Fim: 24-05-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária de Avelar Brotero e Ambiente Virtual

Formador

João José Marques Pimentel Leal

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as competências digitais dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 3) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de CD dos alunos. Conjuntamente com esta formação, serão submetidas outras duas, articuladas ao nível da progressão dos conteúdos.']

Objetivos

['Pretende-se desenvolver com os docentes de nível 3 (C1/C2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e de processos que lhes permita potenciar as suas competências digitais na promoção de estratégias e ações inovadoras na comunidade educativa. \r\nSão objetivos específicos:\r\n- formular estratégias pedagógicas inovadoras e promotoras das CD dos docentes e alunos;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- promover o desenvolvimento de ações que contribuam para os Plano de Ação para o Desenvolvimento Digital das suas escolas;\r\n- promover e estimular a reflexão, a partilha e a utilização crítica das tecnologias digitais em contexto educativo.']

Conteúdos

Os conteúdos da ação surgem, em sentido articulado e incremental, com os conteúdos da formação de nível 1 e 2.\r\n-\tExploração de documentos de enquadramento das políticas educativas.\r\n-\tDiscussão, renovação e inovação na prática profissional.\r\n-\tReflexão em torno de conceitos relacionados com escolas, professores e alunos digitalmente competentes. \r\n-\tUtilização das tecnologias digitais na colaboração e inovação pedagógica ao serviço da comunidade educativa.\r\n-\tEstratégias e metodologias relacionadas com o desenvolvimento curricular através de ambientes e ferramentas digitais.\r\n-\tEstratégias digitais de caráter científico-pedagógico promotoras do desenvolvimento profissional dos docentes.\r\n-\tPlaneamento de atividades didático-pedagógicas promotoras do desenvolvimento da competência digital dos alunos.\r\n-\tConceção de Planos de Ação para o Desenvolvimento Digital: conceitos, metodologias de desenvolvimento, implementação, monitorização, avaliação.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENEU Science Hub (2018). Self-reflection tool for digitally capable schools (SELFIE). Disponível em: https://ec.europa.eu/jrc/en/digcomporg/selfie-toolLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA Editora.Licht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdf


Observações

Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 18-01-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 01-02-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 22-02-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 08-03-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 29-03-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 26-04-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 10-05-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 24-05-2023 (Quarta-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

206
208

Capacitação Digital de Docentes - Nível 3
PREFERENCIAL PARA DOCENTES do AEMF, AERSI e EHTC

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária de Avelar Brotero e Ambiente Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa ...
Ler mais Ler menos

Ref. 126AFD3-T13 Inscrições abertas até 19-01-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-115038/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 19-01-2023

Fim: 25-05-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária de Avelar Brotero e Ambiente Virtual

Formador

Paulo Sérgio Azevedo Ribeiro

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as competências digitais dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 3) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de CD dos alunos. Conjuntamente com esta formação, serão submetidas outras duas, articuladas ao nível da progressão dos conteúdos.']

Objetivos

['Pretende-se desenvolver com os docentes de nível 3 (C1/C2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e de processos que lhes permita potenciar as suas competências digitais na promoção de estratégias e ações inovadoras na comunidade educativa. \r\nSão objetivos específicos:\r\n- formular estratégias pedagógicas inovadoras e promotoras das CD dos docentes e alunos;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- promover o desenvolvimento de ações que contribuam para os Plano de Ação para o Desenvolvimento Digital das suas escolas;\r\n- promover e estimular a reflexão, a partilha e a utilização crítica das tecnologias digitais em contexto educativo.']

Conteúdos

Os conteúdos da ação surgem, em sentido articulado e incremental, com os conteúdos da formação de nível 1 e 2.\r\n-\tExploração de documentos de enquadramento das políticas educativas.\r\n-\tDiscussão, renovação e inovação na prática profissional.\r\n-\tReflexão em torno de conceitos relacionados com escolas, professores e alunos digitalmente competentes. \r\n-\tUtilização das tecnologias digitais na colaboração e inovação pedagógica ao serviço da comunidade educativa.\r\n-\tEstratégias e metodologias relacionadas com o desenvolvimento curricular através de ambientes e ferramentas digitais.\r\n-\tEstratégias digitais de caráter científico-pedagógico promotoras do desenvolvimento profissional dos docentes.\r\n-\tPlaneamento de atividades didático-pedagógicas promotoras do desenvolvimento da competência digital dos alunos.\r\n-\tConceção de Planos de Ação para o Desenvolvimento Digital: conceitos, metodologias de desenvolvimento, implementação, monitorização, avaliação.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENEU Science Hub (2018). Self-reflection tool for digitally capable schools (SELFIE). Disponível em: https://ec.europa.eu/jrc/en/digcomporg/selfie-toolLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA Editora.Licht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdf


Observações

Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 19-01-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 02-02-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 16-02-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 09-03-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 23-03-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 27-04-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 11-05-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 25-05-2023 (Quinta-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

208
204

Capacitação Digital de Docentes - Nível 3
PREFERENCIAL PARA DOCENTES do AE Poiares e AE Penacova

Oficina

 

50.0 horas

 

b-learning

 

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Escola Secundária de Avelar Brotero e Ambiente Virtual

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa ...
Ler mais Ler menos

Ref. 126AFD3T09 Inscrições abertas até 20-01-2023

Registo de acreditação: CCPFC/ACC-115038/22

Modalidade: Oficina de Formação

Duração: 50.0 horas

Início: 20-01-2023

Fim: 26-05-2023

Regime: b-learning

Local: Escola Secundária de Avelar Brotero e Ambiente Virtual

Formador

João José Marques Pimentel Leal

Destinatários

Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial

Releva

Para os efeitos previstos no n.º 1 do artigo 8.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores, a presente ação releva para efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico, Secundário e Professores de Educação Especial. Para efeitos de aplicação do artigo 9.º, do Regime Jurídico da Formação Contínua de Professores (dimensão científica e pedagógica), a presente ação não releva para efeitos de progressão em carreira.

Acreditado pelo

CCPFC - Conselho Científico Pedagógico de Formação Contínua

Razões

['O Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores, da Comissão Europeia (DigCompEdu), pretende promover a competência digital (CD) e a inovação na educação. É essencial que os docentes desenvolvam um conjunto de CD, de modo a tirar partido do potencial das tecnologias digitais. Esta ação visa contribuir para desenvolver as competências digitais dos docentes do sistema educativo e formativo nacional (nível 3) e a sua capacidade para implementar estratégias inovadoras de ensino e de aprendizagem. Ambiciona-se criar condições favoráveis a práticas educativas que se revelem promotoras do desenvolvimento de CD dos alunos. Conjuntamente com esta formação, serão submetidas outras duas, articuladas ao nível da progressão dos conteúdos.']

Objetivos

['Pretende-se desenvolver com os docentes de nível 3 (C1/C2 do DigCompEdu) um conjunto de conhecimentos e de processos que lhes permita potenciar as suas competências digitais na promoção de estratégias e ações inovadoras na comunidade educativa. \r\nSão objetivos específicos:\r\n- formular estratégias pedagógicas inovadoras e promotoras das CD dos docentes e alunos;\r\n- capacitar os docentes para a realização de atividades com tecnologias digitais em diferentes modalidades de ensino;\r\n- promover o desenvolvimento de ações que contribuam para os Plano de Ação para o Desenvolvimento Digital das suas escolas;\r\n- promover e estimular a reflexão, a partilha e a utilização crítica das tecnologias digitais em contexto educativo.']

Conteúdos

Os conteúdos da ação surgem, em sentido articulado e incremental, com os conteúdos da formação de nível 1 e 2.\r\n-\tExploração de documentos de enquadramento das políticas educativas.\r\n-\tDiscussão, renovação e inovação na prática profissional.\r\n-\tReflexão em torno de conceitos relacionados com escolas, professores e alunos digitalmente competentes. \r\n-\tUtilização das tecnologias digitais na colaboração e inovação pedagógica ao serviço da comunidade educativa.\r\n-\tEstratégias e metodologias relacionadas com o desenvolvimento curricular através de ambientes e ferramentas digitais.\r\n-\tEstratégias digitais de caráter científico-pedagógico promotoras do desenvolvimento profissional dos docentes.\r\n-\tPlaneamento de atividades didático-pedagógicas promotoras do desenvolvimento da competência digital dos alunos.\r\n-\tConceção de Planos de Ação para o Desenvolvimento Digital: conceitos, metodologias de desenvolvimento, implementação, monitorização, avaliação.

Metodologias

[]

Avaliação

['Aplicação do determinado no regime Jurídico da Formação Contínua de professores, Decreto-lei nº 22/2014, de 11 de fevereiro, conjugado com o Despacho nº 4595/2015, de 6 de maio e com o \x93Regulamento para Acreditação e Creditação de Ações de Formação Contínua. A classificação de cada formando será realizada na escala de 1 a 10 conforme indicado no Despacho n.º 4595/2015, de 6 de maio, respeitando todos os dispositivos legais da avaliação contínua e tendo por base a participação/contributos e o trabalho final individual elaborado e apresentado pelos formandos.']

Bibliografia

Comissão Europeia (2020). Blended learning in school education – guidelines for the start of the academic year 2020/21. Disponível em: https://www.schooleducationgateway.eu/pt/pub/resources/ publications/blended-learning-guidelines.htmComissão Europeia (2018). Plano de Ação para a Educação Digital. Disponível em: https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/PDF/?uri=CELEX:52018DC0022&from=ENEU Science Hub (2018). Self-reflection tool for digitally capable schools (SELFIE). Disponível em: https://ec.europa.eu/jrc/en/digcomporg/selfie-toolLucas, M., & Moreira, A. (2018). DigCompEdu: Quadro Europeu de Competência Digital para Educadores. Aveiro: UA Editora.Licht, A.H, Tasiopoulou, E., & Wastiau, P. (2017). Open Book of Educational Innovation. European Schoolnet, Brussels. Disponível em: http://www.eun.org/documents/411753/817341/ Open_book_of_Innovational_Education.pdf


Observações

Prioridades: - 1.ª Docentes das Escolas Associadas dos CFAE Minerva

Cronograma

Sessão Data Horário Duração Tipo
1 20-01-2023 (Sexta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
2 03-02-2023 (Sexta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
3 17-02-2023 (Sexta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
4 03-03-2023 (Sexta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
5 17-03-2023 (Sexta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Presencial
6 28-04-2023 (Sexta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
7 12-05-2023 (Sexta-feira) 18:30 - 21:30 3:00 Online síncrona
8 26-05-2023 (Sexta-feira) 18:30 - 22:30 4:00 Presencial

INSCREVER-ME

204